Partido Patriota quer conquistar espaço nas eleições de 2020 seguindo as bandeiras do conservadorismo

  • 27/05/2020
Partido Patriota quer conquistar espaço nas eleições de 2020 seguindo as bandeiras do conservadorismo

A princípio, nas eleições municipais de 2020 serão realizadas no mês de outubro, conheceremos os prefeitos e vereadores eleitos em todo o Brasil. E a preparação segue em ritmo acelerado em diversos partidos políticos do país. Um deles é o Patriota, número 51, que se prepara e espera fazer um bom papel no pleito deste ano.

Amor a Deus e à Pátria são as bases do Patriota

O Patriota é um dos partidos mais jovens do Brasil, obteve o registro definitivo no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 19 de junho de 2012, sendo o código eleitoral do partido o número 51 e o slogan, ‘Deus acima de todos’.

Nacionalmente, o Patriota é presidido por Adilson Barroso, ex-deputado estadual pelo Estado de São Paulo. A legenda tem por base assegurar a autenticidade do sistema representativo, defender direitos fundamentais definidos na Constituição Federal e alcançar o poder político institucional na forma pacifica e democrática em suas diversas instâncias, em defesa dos valores cristãos, especialmente a defesa da vida, desde a sua concepção e a família tradicional como célula fundamental da sociedade, além da defesa intransigente da liberdade econômica, da desburocratização e da responsabilidade fiscal.

O Patriota é um partido moralmente conservador, economicamente defensor do livre-mercado e confessionalmente cristão.

Patriota no Paraná e expectativa com as eleições 2020

Segundo o deputado federal Evandro Roman, Presidente Estadual do Patriota, o partido nasceu alicerçado em valores que são basilares para a família brasileira: amor a Deus e à Pátria. Em razão desses valores, hoje o partido é aliado do presidente Jair Bolsonaro e apoia as principais reformas propostas para o Brasil, sobretudo no aspecto econômico. “Acreditamos e trabalhamos para que as reformas sejam implantadas, criando um novo ambiente de crescimento econômico e, para isso, é fundamental a desburocratização que travou o país durante décadas”, enfatiza Roman.

Dentro do espectro político brasileiro o Patriota posiciona-se como direita-cristã e nesse aspecto é um partido conservador. Roman diz que, “sem qualquer discriminação a quem pensa diferente, acreditamos na família tradicional, na prática da fé cristã (independente de denominação religiosa), na força do trabalho, na inviolabilidade da propriedade, nas liberdades individuais e na democracia”.

Sobre as eleições de outubro, o parlamentar enfatiza; “Nas eleições 2020 estaremos alinhados com o governador Ratinho Junior, e já estando estruturado na grande maioria dos municípios, o Patriota deverá ter candidato em todas as principais cidades do estado. Temos bons nomes a oferecer e a prioridade é termos candidatura própria, mas não descartamos alianças com partidos de direita ou centro-direita cujos candidatos defendam os mesmos princípios”, diz Roman.

Patriota em Ponta Grossa

A presidente do partido em Ponta Grossa, Keyla Sanson, diz que o partido está em total sinergia com as ações do presidente Bolsonaro. “O Patriota está em total sinergia com as ações do Governo Federal e a liderança do Presidente Jair Messias Bolsonaro. Nós partilhamos dessa fidelidade a ele pelos valores de defesa da família, religião, segurança para a sociedade civil e para os rumos da economia”, relata.

Candidatura própria em Ponta Grossa não é descartada segundo a presidente. “Nosso partido já está consolidado aqui no Sul e pronto para disputar as eleições deste ano, aliás, não descartamos a possibilidade de lançarmos uma candidatura Patriota para o executivo e nem de apoiar também quem tem ideias e ideais próximos ao que priorizamos para Ponta Grossa. Inclusive, estamos com conversas bem adiantadas com uma forte liderança do município para essas eleições”, conclui.

Confira imagens:

Confira o vídeo e saiba mais sobre o Patriota:

Por: Matheus Fanchin/Com informações/Imagens/Vídeo: Assessoria de Comunicação

+ Notícias