Candidato a prefeito em cidade do PR é acusado de homicídio e usa tornozeleira eletrônica

  • 14/09/2020
Candidato a prefeito em cidade do PR é acusado de homicídio e usa tornozeleira eletrônica

De maneira inédita na história de Curitiba e região metropolitana, um candidato a prefeito irá concorrer ao cargo usando sendo monitorado pela justiça, através do uso de tornozeleira eletrônica. O candidato Gilberto Dranka, que disputa as eleições da cidade de Piên, é acusado de ser o mandante de um crime que chocou o município, quando em 2016 o prefeito eleito Loir Dreveck foi assassinado.

Dranka ficou um ano preso, porém ainda não foi julgado, o que permite que concorra as eleições. Ele nega as acusações, dizendo que não agiu de nenhuma maneira relacionada ao crime.

Como se não bastasse ser acusado de homicídio, Dranka ficou nacionalmente conhecido, pois no momento da prisão ele tentou se esconder no forro da casa, sendo então levado pela polícia apenas de pijamas.

Imagens/informações:

+ Notícias