Médico de PG é convidado para palestrar em congresso mundial online

  • 16/09/2020
Médico de PG é convidado para palestrar em congresso mundial online

Doenças raras, muitas vezes confundidas com sintomas do Mal de Parkinson, foram debatidas em um painel do MDS Virtual Congress 2020, principal evento do mundo sobre distúrbios de movimento. E um médico de Ponta Grossa foi convidado pelos organizadores para falar sobre seu trabalho, reconhecido por diversas publicações estrangeiras. O neurologista Carlos Henrique Camargo, que atende na clínica Inovare, falou aos participantes nesta segunda-feira (14), por meia hora, e depois respondeu dúvidas de médicos de várias partes do mundo.

O evento, que estava previsto para acontecer na Filadélfia (EUA), acabou sendo virtual por causa da pandemia do novo coronavírus. Ao todo, 18 mil profissionais se inscreveram para aprender sobre distúrbios de movimentos. Além de atender pacientes em Ponta Grossa, Camargo atua como professor convidado no programa de Pós-graduação em Medicina Interna (Clínica Médica) do Hospital das Clínicas da UFPR, que tem um setor considerado referência mundial nos estudos de distúrbios de movimento.

O neurologista foi convidado a falar sobre ataxias-espásticas, que é um conjunto de doenças relacionadas a dificuldades de equilíbrio e dos membros inferiores, afetando a capacidade de andar. São distúrbios que podem ser adquiridos ao longo da vida, mas na maioria das vezes são genéticos, com incidência bem baixa: um caso a cada 200 mil pessoas. Mas há tipos específicos que foram diagnosticados em apenas uma família no mundo. Camargo estuda o assunto e já publicou artigos em periódicos científicos de vários países, como Inglaterra e Estados Unidos, e na prestigiada revista The Cerebellum, a mais importante da área.

O convite para palestrar no MDS Virtual Congress 2020 vem como reconhecimento pelo trabalho desempenhado ao longo de 23 anos. “Foi uma oportunidade incrível para debater com médicos que estão buscando entender essas doenças e melhorar o diagnóstico”, comera o neurologista. Para Camargo, foi também uma forma de estímulo para continuar se especializando e ajudando pessoas. Logo depois da palestra, o médico de Ponta Grossa passou a ser seguido nas redes sociais por profissionais que são notáveis na área, como o médico Kailash Bhatia, de Londres. 

Foto: Divulgação

+ Notícias