Empresa de PG fabrica pelúcias para máquinas de “pegar bichinhos” de todo o Brasil

  • 19/09/2020
Empresa de PG fabrica pelúcias para máquinas de “pegar bichinhos” de todo o Brasil

A ponta-grossense Elisângela Taísa Murmel Ferreira transformou a sua paixão por ursinhos de pelúcia em um negócio extremamente rentável. Ela é a responsável pela Bears Box, empresa especializada na fabricação de pelúcias que são “resgatadas” das máquinas de pegar bichinhos encontradas em shoppings centers, postos de combustível e supermercados.

Tudo começou em 2018, quando Elisângela comprou a primeira máquina, mas começou a ter dificuldade para encontrar pelúcias diferenciadas e de boa qualidade. Ela decidiu então fazer a primeira pelúcia e não parou mais. “Tudo aconteceu muito rápido. Uma coisa foi levando a outra, e, quando eu vi, estava gerando empregos e mais empregos”, lembra. Nascia ali a Bears Box.

Magia

Com cerca de dez colaboradoras, a Bears Box é capaz de produzir uma pelúcia em menos de dez minutos. O segredo, segundo Elisângela, está na linha de produção. “Cada pessoa produz uma etapa da pelúcia. No final, juntamos tudo e aí a magia acontece: todas aquelas peças se transformam em uma pelúcia”, detalha. De acordo com ela, as pelúcias da Bears Box também têm um ingrediente especial. “Não é só juntar as peças. Tem que colocar amor. Alguém vai receber aquela pelúcia, então ela tem que sair daqui com amor”, declara.

Durante um tempo, era a própria Elisângela quem produzia as pelúcias. Hoje ela foca mais em criar os modelos e selecionar os tecidos. Ela destaca que os diferenciais da empresa são a atenção aos detalhes e a vontade de inovar. “As minhas fadas-madrinhas produzem com todo o carinho, e todo dia sai alguma coisa diferente. Cada vez que a gente termina de fazer um bichinho, a gente olha e fala que aquela é a pelúcia mais bonita que já saiu daqui”, brinca.

Produção

Atualmente, a Bears Box produz cerca de 2 mil pelúcias por semana, que são revendidas exclusivamente para cidades de todo o Brasil. “Muitas vezes, a minha pelúcia vai para São Paulo e de lá volta para Ponta Grossa dentro de uma máquina. As pessoas nem imaginam que aquele bichinho que elas estão pegando na máquina foi produzido aqui mesmo na cidade”, comenta.

Além das pelúcias para máquinas, a Bears Box também produz bichinhos sob encomenda. “Qualquer pessoa pode adquirir as pelúcias diretamente na nossa fábrica. Elas são feitas de acordo com o que o cliente precisar, e a pessoa ainda fica conhecendo o processo de produção”, relata. O sucesso da empresa é tão grande que Elisângela já planeja expandir os negócios e proporcionar mais oportunidades de emprego.

Por Michelle de Geus | Foto: iStock

+ Notícias