Sexta-feira, 03 de Dezembro de 2021
foto: Clebert Gustavo

Comissão da Agricultura entrega Prêmio Homero Pereira a onze agraciados que se destacaram no setor agropecuário brasileiro

28/10/2021 às 19:00

Nesta quarta-feira, dia 27 de outubro de 2021, a Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR), presidida pela deputada federal Aline Sleutjes, entregou à 11 agraciados, o Prêmio Homero Pereira, que foi instituído em 2014 e é concedido a cidadão ou instituição cujos trabalhos ou ações tenham-se destacado na agropecuária brasileira. Ele foi dividido em 11 categorias, são elas: Personalidade do agronegócio 2021, Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário, Inovação tecnológica, Preservação agropecuária, Sustentabilidade, Produção Agropecuária, Pesquisa (mérito científico), Empresa destaque Rural, Representatividade Rural, Agricultura Familiar e “In Memorian” Política.

 

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Tereza Cristina, recebeu, por indicação da deputada federal Aline Sleutjes, o prêmio Homero Pereira – Personalidade do Agronegócio 2021. Sleutjes declarou: “Sinto muito orgulho por presidir esta comissão e hoje poder homenagear uma das melhores ministras que o país já teve. À frente do Ministério da Agricultura, o trabalho da Tereza Cristina é impecável, carregado de dedicação, competência e amor pelo que faz, parabéns minha amiga, prêmio mais do que merecido” afirmou Sleutjes ao se referir à homenageada.

 

Segundo a homenageada, Tereza Cristina “O Brasil tem o que mostrar. Infelizmente, muita gente joga como se a agricultura brasileira não fosse essa agricultura real que nós temos. Temos problemas? Temos. Mas na dimensão da nossa agricultura, eu posso afirmar para vocês que ela é sustentável e ela caminha a passos cada vez mais largos para ser cada vez mais sustentável e ser a maior agricultura verde do planeta”.

 

Na categoria Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário, indicada pelo deputado federal Nelson Barbudo, foi a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), exemplo em tecnologia e sustentabilidade. Durante a cerimônia, a ministra Tereza Cristina elogiou o trabalho da Embrapa e todos os anos de pesquisa, de ciência, de tecnologia para chegar ao que ela chamou de “pujança do nosso agro”.

 

Aline Sleutjes destacou que a Embrapa tem um trabalho extraordinário em todos os setores que atua. No setor leiteiro, área forte de atuação da parlamentar, a Embrapa tem sido grande parceira, criando novos mecanismos, genética adaptada, novas forrageiras, sistemas, leite orgânico e de baixo carbono entre outras ações. A parlamentar promoveu uma visita da caravana do leite, à fazenda da Embrapa no Estado de São Paulo e lá pôde conferir de perto todas as inovações.                               O prêmio de Inovação Tecnológica, indicação feita pelo deputado federal Celso Maldaner foi para empresa Ordemilk LTDA, que é considerada a maior empresa nacional de ordenhadeiras e similares, localizada no município de Treze Tílas-SC desde 1999, e hoje é referência no ramo da indústria leiteira.

 

O deputado federal Pedro Uczai, indicou o agricultor Ernest Gotsch, para o prêmio na categoria Preservação Agropecuária. Gotsch é um agricultor e pesquisador suíço, formado em ciência genética, criador da Agricultura sintrópica (caracterizado pela organização, integração, equilíbrio e preservação de energia no ambiente). Em 1982, mudou-se para Piraí do Norte, região do cacau na Bahia, Brasil, onde aplicou seu método de agricultura. Com a grande difusão do seu sucesso, tornou-se referência em agricultura regenerativa em todo o mundo.

 

Na categoria Sustentabilidade, o deputado Marcelo Moraes indicou a Associação dos Fumucultoresdo Brasil- AFUBRA, pelo projeto “verde é vida”, que visa desenvolver atividades de educação ambiental: palestras e doação de mudas. Tem como objetivo, desenvolver a educação socioambiental, promover a preservação do meio ambiente, a educação rural, diversificação, sustentabilidade e a valorização dos agricultores.

 

O Grupo Scmidt Agrícola, foi indicado pelo deputado federal Tito à categoria Produção Agropecuária. Desde 1979 o Grupo é especialista em produção de fibras, grãos e frutas e é referência de gestão no negócio e produção agrícola, uma vez que aposta no uso de tecnologia, proporcionando melhor aproveitamento do tempo e da terra, gerando mais frutos e retorno dos recursos investidos.

 

Na categoria Mérito Científico foi premiado o doutor em economia aplicada Paulo do Carmo Martins, que, na Embrapa Gado de Leite, desenvolve estudos de inteligência de mercado e eficiência na cadeia produtiva do leite, a indicação à essa categoria do prêmio, foi feita pelo deputado federal Charles Evangelista.

 

Na categoria Empresa Destaque Rural, a premiada foi a Granja Faria, que criou um sistema de integração de produção de ovos férteis, em parceria com a empresa BRF. É considerada a maior empresa produtora de ovos do Brasil, está localizada em Nova Mutum- MT. A indicação foi feita pelo deputado federal Gerônimo Geoergen.

 

A CNA – Confederação Nacional da Agricultura foi indicada pelo deputado federal José Mário Schereiner à categoria Representatividade Rural, por defender as reinvindicações do setor agropecuário participando de debates, comissões, grupos de trabalho, acordos e convenções coletivas, reuniões e outros foros de decisão.

 

Na categoria de Agricultura familiar a indicação foi feita pela deputada federal Edna Henrique à Produtora Josivane Caiano da Silva, líder comunitária e presidente da Associação dos Produtores e Agricultores Rurais do Assentamento Santa Catarina (PB), que auxilia no plantio de algodão orgânico e desenvolveu um projeto de tingimento natural à base da planta Anileira.

A deputada Mara Rocha indicou à categoria “in memorian” Política, o ex-governador e ex-deputado federal Francisco Wanderely Dantas, que implantou no estado uma agricultura com sólida base técnica, estudo do terreno amazônico, produção em escala e implantação da pecuária com genética de ponta.

 

No fechamento do evento, a presidente da CAPADR, deputada federal Aline Sleutjes destacou a importância do prêmio e suas categorias e parabenizou cada um dos agraciados. Segundo a parlamentar “Hoje estamos muito felizes em recebê-los na casa do Povo. Todos os homenageados que estão aqui, representam a voz do agronegócio, que tem levado a economia do Brasil nas costas e manteve o país firme mesmo no momento difícil de pandemia que enfrentamos, contem conosco para continuarmos fazendo cada dia uma nação mais forte e melhor para todos”.

da Assessoria