Segunda-feira, 17 de Junho de 2024

Ciclone extratropical deixa um morto no Rio Grande do Sul e mais de 300 casas danificadas

2020-07-08 às 13:49

A morte causada pelo fenômeno climático foi a de um homem em Caxias do Sul

Após a passagem do ciclone-bomba pelos três estados do Sul do país, um novo ciclone causou uma morte e mais de 300 casas danificadas no Rio Grande do Sul na última terça-feira (7). O segundo ciclone, porém, não é do tipo bomba e é considerado um fenômeno típico do inverno.

A morte causada pelo fenômeno climático foi a de um homem em Caxias do Sul, na serra gaúcha, após um deslizamento de duas pedras grandes sobre uma casa. Outras duas pessoas foram resgatadas do local pelos bombeiros, na última terça.

Em Sebastião do Caí, a 51 km da capital gaúcha, as fortes chuvas encheram o Rio Caí, que subiu cerca de 8m e deve chegar a 10m nesta quarta-feira (8). A cheia danificou ao menos 320 casas e barracos na cidade, segundo a Defesa Civil. Ao menos 27 famílias foram levadas para um ginásio público.

Saiba mais em: https://www.bandab.com.br/nacional/novo-ciclone-deixa-um-morto-no-rs-e-mais-de-300-casas-danificadas/

Informações/Foto: Banda B/Folhapress