Sábado, 18 de Maio de 2024

Cuidador forja sequestro após usar carro de idoso para ficar em motel

2024-05-15 às 13:55

Um homem de 38 anos vai responder por falsa comunicação de crime após desaparecer por dois dias com o carro de um idoso, para quem prestava serviços de cuidador, em São José dos Campos, no interior de São Paulo. Ele informou à polícia, na última segunda-feira (13), que havia sido sequestrado e depois revelou que passou a noite em um motel usando drogas.

O sumiço do suspeito foi comunicado pelo filho do idoso ao 6° DP da cidade no sábado (11). Ele disse que o homem saiu com o carro para comprar gás e passar em um supermercado, no bairro Alto da Ponte, segundo o boletim de ocorrência. O indiciado estava com um cartão de benefícios da esposa do idoso, um valor em dinheiro e documentos do veículo, conforme o depoimento. Segundo o filho, ele não atendeu o celular e não deu mais notícias desde então.

Na segunda-feira, o suspeito se apresentou na delegacia e disse que havia sido vítima de um sequestro. Ele relatou que estava em um mercado quando dois homens o abordaram e o colocaram, encapuzado, no banco de trás do carro. Ele disse ainda que os supostos sequestradores “andaram bastante” com o veículo, durante cerca de oito horas, e o abandonaram na Rodovia dos Tamoios, perto da cidade de Jambeiro, também no interior do estado. O homem afirmou ter se “desvencilhado das amarras” e ido até um local para acionar a Polícia Militar (PM) e o Samu.

Leia a matéria completa do Metrópoles