Segunda-feira, 27 de Maio de 2024

Empresas de cosméticos lançam campanha de combate à violência doméstica durante a quarentena

2020-04-18 às 13:54

Instituto Avon, Avon, Natura e The Body Shop uniram forças para projetar imagens com mensagens de apoio em diversos pontos do Brasil para alertar sobre uma epidemia silenciosa que se agrava à sombra da Covid-19: o aumento da violência doméstica durante a quarentena. 

Segundo levantamento da Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180, durante a primeira semana de isolamento no País, já houve um aumento de quase 9% no número de atendimentos. A ação, parte da campanha #IsoladasSimSozinhasNão, movimento global das marcas do grupo Natura & Co em prol das vítimas durante o período de isolamento, busca criar uma rede de apoio entre vizinhos, amigos e familiares e dando-lhes informações e ferramentas para que saibam como agir diante de um caso de violência.

Ao longo da última semana, as marcas, em parceria com coletivos audiovisuais de todo o País, projetaram imagens com mensagens de apoio, convidando vizinhas, amigas e familiares a cuidarem da vida de mulheres que possam estar sofrendo confinadas o dia todo com seus agressores dentro de seus lares, o lugar mais letal para aquelas que estão em situação de violência.

Em São Paulo, com o apoio do Governo do Estado, as projeções ocorreram em pontos turísticos, tais como a Pinacoteca, Museu da Língua Brasileira e Casa das Rosas. As imagens foram também projetadas em quatro locais de Recife (PE) e em diversas outras cidades do país como Salvador (BA), São Luís (MA), Belo Horizonte (MG), João Pessoa (PB), Belém (PA), Natal (RN), Rio de Janeiro (RJ) e Vitória (ES). 

No próximo domingo também está previsto um movimento nas redes sociais em parceria com influenciadoras das marcas para amplificar a mensagem de apoio às mulheres vítimas de violência e estimular vizinhas, amigas e parentes a acolhê-las e saberem como ajudá-las. 

“Em tempos de isolamento social, percebemos uma figura que antes passava despercebida nessa causa: a vizinhança. Como passamos mais tempo em casa, notamos mais as rotinas e hábitos de nossos vizinhos. Mas por que não aproveitar essa chance e estreitar laços que podem ir além de proximidade física e ajudar a salvar a vida de mulheres que possam estar vulneráveis?”, explica Danielle Bibas, vice-presidente de Marketing da Avon Brasil. 

Iniciativa do Instituto Avon, ativada por Avon, Natura e The Body Shop, a campanha #IsoladasSimSozinhasNão foi inicialmente lançada em 30 de março, em todos os países da América Latina onde o grupo opera, dando luz à situação de mulheres que estão vulneráveis em um contexto de pandemia global. No Brasil, o conceito e ação das projeções foram desenvolvidos pela agência Wunderman Thompson.

“A violência doméstica se alimenta do silêncio e da invisibilidade. Ela se perpetua na indiferença, quando o autor acha que ninguém está olhando. Por isto é fundamental conscientizar e ativar a rede de apoio às vítimas, criando um círculo de confiança formado por amigos, familiares e vizinhos. Estamos agindo no sentido de dar visibilidade à esta questão premente, divulgar a rede de acolhimento e serviços públicos e apoiar as organizações de amparo às vítimas”, afirma Daniela Grelin, Diretora Executiva do Instituto Avon.

Violências contra as mulheres e meninas

No enfrentamento das violências contra as mulheres e meninas, o Instituto Avon atua há 12 anos e já destinou R$ 34 milhões para 193 projetos voltados ao fortalecimento e integração da rede de proteção à mulher em situação de violência. Além disso, já contribuiu com a formação de mais de 4 mil agentes públicos (policiais, ouvidores, juízes, e agentes de saúde), possibilitou que mais de 7 mil advogados e terapeutas passassem a oferecer serviços gratuitos à população por meio do Mapa do Acolhimento e 10 mil atendimentos online pelo aplicativo Mete a Colher.

Para cumprir com a missão de mobilização da sociedade, as iniciativas do Instituto se dividem em quatro grandes pilares de atuação: Conhecimento, Articulação, Apoio a Projetos e Engajamento e Impacto. Mas o grande diferencial da organização sem fins lucrativos para a concretização de seus projetos e ações é a capacidade de articulação de diferentes stakeholders, como empresas públicas e privadas, funcionários, ONGs, movimentos sociais, organismos internacionais e órgãos públicos de todas as esferas.

O Instituto conta, ainda, com a força de vendas Avon, composta por mais de 1 milhão de Revendedoras, que disseminam conhecimento sobre as causas e atuam como rastreadoras de necessidades específicas de atendimento da população em suas respectivas comunidades.

Essa capilaridade e abrangência permitem ao Instituto Avon estar presente em 100% dos municípios brasileiros.

Informações e imagens: Assessoria de imprensa