Terça-feira, 21 de Maio de 2024

Itaipu entrega equipamentos e investe mais de R$ 78 milhões no Mato Grosso do Sul

2024-02-16 às 15:36
Foto: Marcos Labanca

A Itaipu Binacional entregou oficialmente nesta sexta-feira (16), em Iguatemi (MS), máquinas e equipamentos ao Consórcio Intermunicipal da Região do Sul do Estado do Mato Grosso do Sul (Conisul), que reúne 14 municípios do Estado. A ação faz parte do programa Itaipu Mais que Energia e é resultado de dois convênios para implementação de atividades de manejo integrado de água e solo, saneamento ambiental, conservação da biodiversidade e apoio a obras sociais.

No mesmo evento, foram apresentados os Instrumentos de Repasse de 34 municípios do Mato Grosso do Sul, também dentro do programa Itaipu Mais que Energia, em parceria com a Caixa Econômica Federal. Os investimentos nas áreas de manejo, energia, saneamento e obras sociais somam mais de R$ 78 milhões, sendo R$ 69 milhões financiados pela empresa.

A cerimônia, realizada no pátio da usina de pavimentação do Consul, reuniu o diretor-geral brasileiro da Itaipu, Enio Verri, o diretor de Coordenação, Carlos Carboni, o vice-governador do Mato Grosso do Sul, José Carlos Barbosa, o presidente do consórcio e prefeito de Sete Quedas, Francisco Piroli, prefeitos sul-mato-grossenses, deputados estaduais e federais, secretários de Estado e outras autoridades da região.

Enio Verri explicou que os investimentos na região são resultado de análises técnicas e da ampliação da área de atuação da empresa, conforme diretriz do Governo Federal, para todos os municípios do Paraná e 35 do Mato Grosso do Sul. Até o ano passado, no Estado sul-mato-grossense, apenas o município lindeiro de Mundo Novo era contemplado.

“A água é a principal matéria-prima para produção de energia e o que acontece aqui no Mato Grosso do Sul, assim como no Paraná, tem impacto direto na qualidade da água e na expectativa de vida do nosso reservatório. Por isso lançamos o programa Itaipu Mais que Energia, ampliamos a área de atuação da empresa e queremos incrementar cada vez mais as parcerias com os municípios. As ações de Itaipu devem ter um alcance cada vez maior, beneficiando o meio ambiente, garantindo maior segurança hídrica e melhorando a vida das pessoas”, disse o diretor-geral da Itaipu.

O vice-governador José Carlos Barbosa agradeceu a Itaipu pelos investimentos no Estado, que ajudarão o Mato Grosso do Sul a ser o primeiro Estado da federação a universalizar os serviços de coleta e tratamento de esgoto. “É muito importante que a Itaipu, neste momento, esteja voltando os olhos para o nosso Estado, contribuindo para que esses municípios consigam manter, por meio de ações de saneamento, a preservação do nosso maior patrimônio que é a riqueza das nossas águas”, completou.

Barbosa mencionou ainda a nova ponte em construção sobre o Rio Paraguai, entre Porto Murtinho (MS) e o município paraguaio Carmelo Peralta, com recursos da Itaipu, que vai permitir a conexão dos oceanos Atlântico e Pacífico, ampliando o mercado para os produtos sul-mato-grossenses.

Para o presidente do Conisul e prefeito de Sete Quedas, Francisco Piroli, as parcerias com Itaipu têm potencial de transformar a realidade dos municípios da região, garantindo maior desenvolvimento e qualidade de vida. Como exemplo, ele citou que a recuperação das estradas (uma das ações do programa) reduz o gasto de combustível dos veículos, aumentando a competitividade dos produtos; da mesma forma, melhorar o escoamento eleva o valor das propriedades. “Quando conseguimos juntar as forças, pensando do jeito certo, muda tudo.”

O deputado federal Vander Loubet, líder da bancada do PT de MS, definiu como histórico o momento vivido pelos municípios. “Isso é fruto dos esforços de todos, municípios, Estado e da sensibilidade do Governo Federal para que ampliasse os investimentos da Itaipu para toda a bacia (hidrográfica), afirmou. “Até o ano passado, não havia recursos de Itaipu nos municípios e isso mudou tudo na nova gestão, já no primeiro ano”, completou o também deputado federal Dagoberto Moreira.

O diretor de Coordenação da Itaipu, Carlos Carboni, detalhou os investimentos da empresa no Estado. Um dos convênios com o Conisul, no valor de R$ 3,5 milhões, permitiu a aquisição de equipamentos que serão utilizados na melhoria da infraestrutura viária no meio rural, como caminhão basculante, motoniveladora, escavadeira hidráulica, pá carregadeira, rolo compressor, tratores e terraceadores.

O outro convênio, ainda vigente, com valor total de quase R$ 15 milhões, estabelece a adequação de 43 quilômetros de estradas e a implantação de 446,5 quilômetros de curvas de nível.

Os investimentos abrangem ainda a aquisição de 13 sistemas fotovoltaicos e inversores, 11 balanças com rampa, 6 elevadores de fardo, 3 empilhadeiras, 6 kits de esteiras de elevação e separação de recicláveis, 2 prensas verticais, 7 prensas horizontais e 5 trituradores motorizados – além de apresentações culturais.

Já os investimentos de R$ 78 milhões nos 34 municípios conveniados incluem a construção ou reforma de 12 Unidades de Valorização de Recicláveis (UVRs), a aquisição de 50 biodigestores de pequeno porte para resíduos orgânicos, a adequação de 428,7 quilômetros de estradas rurais e a pavimentação asfáltica de outros 124,2 quilômetros.

Os instrumentos contemplam ainda a recuperação e proteção de 758 nascentes, a aquisição de 10 caminhões para a coleta seletiva, 9 empilhadeiras motorizadas, 7 esteiras de elevação e outras 7 de separação de resíduos, prensas de enfardamento vertical, trituradores de galhos, balanças eletrônicas, distribuidores de dejetos (líquidos e sólidos), instalação de abastecedouro comunitário, sistemas de abastecimento de água potável e elaboração e/ou revisão de planos de saneamento – entre outros.

Do total investido, R$ 23 milhões serão destinados somente em ações de saneamento. Os demais recursos serão empregados em obras sociais (R$ 18,2 milhões), manejo (R$ 15,3 milhões) e energia (R$ 12,1 milhões).

O edital em parceria com a Caixa foi lançado em agosto do ano passado, dentro do programa Itaipu Mais que Energia, e prevê quase R$ 1 bilhão de investimentos em 430 municípios do Paraná e Mato Grosso do Sul. As ações alcançarão um universo de 11 milhões de pessoas em 200 mil quilômetros quadrados.

Outras ações

Na cerimônia em Iguatemi, o vice-governador e prefeitos da região participaram do lançamento de outras ações de conservação de solo, parceria do Conisul com a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Seilog) e a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), e da entrega ao consórcio de um conjunto perfuratriz rotopneumatica, equipamento para perfuração de rochas e abertura de poço artesiano, em parceria com a Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), do Governo Federal.

Também estavam presentes na cerimônia o presidente da Associação dos Municípios de MS, Valdir Junior, a deputada federal Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT e ex-secretária de Estado do MS, secretários municipais e Estaduais, entre outras autoridades.

da assessoria