Sexta-feira, 25 de Junho de 2021
foto: Clebert Gustavo

Vídeo: Conheça as ações do mandato do deputado Aliel para Ponta Grossa durante a pandemia

Além da conquista de milhões em recursos, o parlamentar desenvolveu ações que visam amenizar os efeitos da pandemia na vida das pessoas
20/05/2021 às 17:52

Desde o início da pandemia da Covid-19, o mandato do deputado federal Aliel Machado (PSB-PR) tem desenvolvido ações que visam amenizar o impacto na vida das pessoas. Somente para Ponta Grossa, foram milhões em recursos conquistados para a área da Saúde, além de posicionamentos e votações que beneficiaram a população nesse momento difícil, como a votação do auxílio emergencial de R$ 600, aprovado pelos deputados.

Além do voto favorável ao auxílio emergencial, Aliel também propôs medidas em defesa dos empresários, como a limitação na cobrança de juros de pequenos e micro-empresários, e apoio às empresas, com o apoio ao auxílio do Governo para o pagamento de salários para a manutenção dos empregos, tão afetados pela pandemia.

O parlamentar também votou pela destinação de recursos para socorrer os municípios paranaenses. Somente para Ponta Grossa, foram mais de 40 milhões destinados ao combate à pandemia. Além disso, a prefeitura recebeu mais 350 mil reais indicados pelo mandato do deputado.

Através do trabalho do parlamentar, também foram destinadas emendas para auxiliar hospitais e instituições. Para o Hospital Universitário dos Campos Gerais (HU-UEPG) foi conquistado mais de 800 mil reais para a ampliação de testes COVID e equipamentos para as UTIs.

Ainda através de uma emenda individual de R$ 4 milhões, foi inaugurada em fevereiro a nova ala do Hospital Universitário para atendimento à pacientes da UIT-Geral, possibilitando que o HU fose utilizado 100% ao tratamento de pacientes acometidos pela COVID-19. O prédio conta com 10 novos leitos.

O parlamentar conseguiu ainda que o HU fosse, junto com outros hospitais do Paraná, autorizado ao credenciamento de leitos de Unidade de Terapia Intensiva – UTI, com atendimento exclusivo dos pacientes COVID-19. Com isso, o HU passou a ter mais recursos do SUS, o que é fundamental para a prestação do serviço.

Já para a UTFPR, Aliel destinou 500 mil reais em recursos para auxiliar no projeto de produção de respiradores. O projeto está sendo desenvolvido, e poderá atender a demanda de hospitais.

A pedido do deputado, Ponta Grossa teve mais 8 respiradores no momento mais crítico da pandemia até então. O ventilador pulmonar é o principal equipamento de auxílio às UTIs durante a permanência de pacientes com COVID. A maior parte deles está no Hospital Universitário. Com esses equipamentos, foi possível ampliar o número de leitos de UTI. Um dos registradores dará suporte para a abertura da nova UPA Santana.

 

Projetos

Ainda na atuação parlamentar, Aliel apresentou projetos visando minimizar os efeitos da pandemia na vida das pessoas.  Entre eles a proibição do corte dos serviços essenciais (água e luz) (PL 723/2020)

 

  • Inclusão de itens na cesta básica como álcool gel, sabonete líquido e em barra em forma de kit (PL 976/2020)

 

  • Limitação da taxa de juros aos autônomos, micro e pequenos empresários no valor da taxa SELIC para a manutenção dos empregos;

 

  • Pedido de urgência na votação dos projetos de Taxação de grandes fortunas (e cobrança de imposto sobre lucros e dividendos (PL 1981/2019);

 

  • Liberação do pedágio ao transporte de medicamentos, alimentos, combustíveis e suporte aos caminhoneiros em favor do abastecimento do país. (PL 1116/2020)

 

Além das medidas propostas, Aliel também apoia ações para combater o avanço do coronavírus, comoa defesa das empresas e dos empregos com a criação de abertura de crédito por parte do BNDES aos empresários.                                                               

Preocupado com a dificuldade para a destinação de vacinas aos municípios, o deputado pediu explicações ao Ministério da Saúde com relação a quantidade de doses enviadas ao Paraná, que foi menor que outros estados com população semelhante. Aliel também cobrou o ministro da Saúde a destinação de mais doses ao nosso Estado.

Divulgação de atividade parlamentar conforme art. 6º do Ato da Mesa nº 62, de 2001.