Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2021
foto: Clebert Gustavo

38ª Fesuva pretende comercializar 40 toneladas da fruta

12/01/2021 às 10:09

A 38ª edição da Feira da Uva (Fesuva) em Ponta Grossa terá início nesta terça-feira (12), com expectativa de aumento no número de vendas, e se consolidando como um dos eventos mais tradicionais do calendário ponta-grossense.

A feira tem como um dos organizadores o Núcleo de Alimentação para Eventos de Ponta Grossa (NAPES), integrante do Programa Empreender, da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) e espera comercializar 40 toneladas de uvas em 13 dias de feira.

Serão vendidos três tipos da fruta (Niágara branca, Niágara Rosada e a Terci), comercializadas por quatro produtores de Ponta Grossa. A Fesuva ainda contará com praça de alimentação e stands com produtos artesanais e agrofamiliares como geleias, cookies e sucos.

Por conta das restrições impostas pela pandemia, o espaço da Fesuva, incluindo o número de mesas na praça de alimentação, foi reduzido. Todas as medidas de segurança para evitar o contágio foram tomadas pela organização do evento, para que o público possa vir à feira sem correr riscos à saúde. A expectativa de venda e público é otimista para este ano. “Como estamos seguindo todos os protocolos, esperamos um bom público. Este ano haverá mais uva que no ano passado, quando foram entre 30 e 35 toneladas comercializadas. Este ano serão entre 40 e 45 toneladas e a expectativa é que seja vendida toda essa quantia”, comenta Geisa Santos, coordenadora do NAPES.

A 38ª Fesuva acontece em frente à Estação Saudade, das 10 às 22 horas de segunda a quinta-feira, e das 9 às 22 horas de sexta-feira a domingo. “A Fesuva já é um evento tradicional, que produtores esperam o ano inteiro para poder fazer a venda de seus produtos. Não só eles, mas a agroindústria familiar, além de gerar vários empregos e oportunidades. São mais de 150 empregos diretos, fora os indiretos. É um evento que ajuda bastante a economia de Ponta Grossa e que já está no calendário da cidade”, finaliza Geisa Costa.

Da assessoria/Foto: PMPG