Quinta-feira, 25 de Abril de 2024

Comércio permanece fechado em Palmeira nesta semana

2020-04-05 às 14:34

Quanto as medidas de enfrentamento ao coronavírus e funcionamento do comércio o Município de Palmeira informa que não haverá mudanças no funcionamento dos serviços não essenciais. Contudo, em alteração ao decreto 13.551, que estabelece medidas a serem adotadas pela iniciativa privada fica definido toque de recolher para população e flexibilização para atividades religiosas conforme decreto estadual.

Anteriormente o prefeito, Edir Havrechaki, havia adiado a abertura do comércio até o dia 6 de abril. Contudo, após evolução dos casos de Covid-19 no país e confirmação de um caso em Palmeira o funcionamento continuará adiado mesmo após 6 de abril, como forma de prevenção aos munícipes.

Além disso, Havrechaki baseia sua decisão em consonância com o Governo do Estado do Paraná que até o momento não aderiu mudanças no estilo de quarentena ou flexibilizações com os serviços não essenciais. “Temos vários exemplos de cidades, estados e países que não tomaram as atitudes devidas e tiveram uma pandemia agravada que resultou em muitas mortes. Não é o que quero para Palmeira”, destacou o chefe do executivo.

A decisão também teve fundamento em reunião realizada na manhã desta sexta-feira (3), onde, dentre os integrantes estavam o promotor de Justiça da Comarca de Palmeira, Antônio Carlos Nervino, a presidente da Associação Comercial e Empresarial de Palmeira (Acip), Telma Margraf, a secretária de Saúde, Fabiani Bach, secretários de Finanças e de Indústria e Comércio, além de  representantes da Vigilância em Saúde, Procuradoria Municipal, Câmara de Palmeira e Santa Casa.

Informações e imagens: Prefeitura de Palmeira