Quinta-feira, 07 de Julho de 2022

“Estamos no meio de duas grandes cidades e não queremos ser esmagados por elas, queremos crescer junto”, destaca Elisangela Pedroso, prefeita de Carambeí

13/06/2022 às 15:31
Foto: Eduardo Vaz

Em entrevista ao programa Manhã Total apresentado por João Barbiero na Rádio Lagoa Dourada FM (105.9 e 90.9), nesta segunda-feira (13), a prefeita de Carambeí, Elisangela Pedroso destacou as prioridades da gestão e as recentes conquistas do município.

Elisangela explica que o está trabalhando em um projeto de retomada de industrialização, fruto de um convênio firmado com o Invest Paraná. “Capacitamos dois servidores e hoje nós colocamos áreas que fazemos uma descrição e o mapeamento, inserimos em uma plataforma e apresentamos Carambeí ao mundo. Já estamos colhendo frutos da minha viagem para Dubai, estamos sendo visitados por multinacionais”, afirma.

Além disso, a prefeita destaca que a área industrial de Carambeí possui um projeto de pavimentação que estava parado desde 2018. “Era um dinheiro que voltou para a Secretaria de Fazenda e o deputado Romanelli conseguiu resgatar esse dinheiro. Vai ficar em torno de R$ 10 milhões a R$12 milhões e faremos a pavimentação buscando o incentivo de instalação de indústrias”, enfatiza. “O Romanelli é um grande parceiro nosso, o deputado que mais tem mandado emendas para Carambeí. Uma pessoa que, independente da política, eu tenho uma grande admiração. Eu falo que ele é meu segundo pai, me deu muito apoio na minha trajetória política e pessoal e tem nos ajudado muito”, pontua.

Prioridades

Entre as prioridades da gestão estão aumentar a receita do município, por meio da arrecadação de impostos, e proporcionar outras frentes de emprego para atender à população jovem. “Hoje em Carambeí não falta emprego, temos grandes empregos, BRF, JBS, mas os nossos jovens buscaram capacitação e hoje não querem mais a questão de chão de fábrica […] É proporcionar outras frentes de emprego, algo mais tecnológico, que venha amparar o jovem que buscou outras capacitações”, completa.

El ainda finaliza. “Atrás de uma grande empresa, a gente sabe que vem outras. Estamos no meio de duas grandes cidades, Ponta Grossa e Castro e não queremos ser esmagados por elas, queremos crescer junto, estamos preparando Carambeí para isso e para outras questões também. Semana passada fechamos a questão habitacional na COHAPAR, também estamos buscando evoluir nas áreas da Saúde, Educação”, conclui.

Confira a entrevista completa: