Segunda-feira, 19 de Abril de 2021
foto: Clebert Gustavo

PRF registra cinco acidentes durante ‘Operação Semana Santa’ nos Campos Gerais

05/04/2021 às 17:02

A PRF encerrou à meia noite deste domingo (4) a ‘Operação Semana Santa 2021’. Na região dos Campos Gerais foram registrados cinco acidentes com dois mortos e sete feridos. O principal tipo de acidente atendido pela PRF foi a colisão com objeto fixo, com 3 ocorrências, os demais acidentes foram tombamento e colisão frontal.

A velocidade foi a causa predominante dos acidentes, respondendo por 40% das situações como outras causas foram registradas o mal súbito, avarias nos pneus e conversão proibida.

Os acidentes mais graves ocorreram na sexta-feira (2), no km 487 da BR 376, em Ponta Grossa, por volta das 20h30 em que uma Ford/Ranger de Marechal Candido Rondon/PR, após colidir lateralmente com um Fiat/Línea com placas de Campo Largo/PR, colidiu contra a defensa, saiu de pista e capotou, ocasionando a morte do condutor de 22 anos;

Também outro acidente grave ocorreu no domingo (4) no km 216 da BR 153, em Tibagi, por volta das 14h45 em que um Citroen/Aircross, com placas de Carambeí/PR, ao mudar de faixa para adentrar estrada lindeira, colidiu frontalmente com um Mitsubishi/ASX de Brasília/DF, ocasionando a morte do condutor do Aircross, de 67 anos e ferimentos em mais 4 pessoas.

Em comparação com os números da Operação Semana Santa 2020, o número de acidentes reduziu de 6 para 5, o número de feridos foi igual a 2020 (7 feridos) e o número de mortos passou de 1 para 2.

Durante a operação, as equipes fiscalizaram 400 veículos e 337 pessoas.

Dois motoristas foram flagrados conduzindo veículo sob efeito de álcool, 20 ocupantes flagrados sem o uso do cinto de segurança e 3 crianças sem a cadeirinha; além disso, 14 ultrapassagens proibidas e 2 veículos de carga transportando excesso de peso, totalizando 22.535kg de excesso. Associado a esses números, 18 veículos foram recolhidos aos pátios da PRF por problemas de documentação ou por não apresentarem condições de segurança e 5 CRLVs foram recolhidos para que os proprietários regularizassem seus veículos.

Durante o período da operação, houve reforço de efetivo com policiais visando aumentar a segurança dos usuários. Esse reforço de policiamento nos trechos com maiores incidências de acidentes, aliado ao bom tempo e a diminuição no fluxo total de veículos, colaboraram para o baixo número de acidentes.

Informações/Imagem: PRF