Ex-global Dennis Carvalho segue internado no Rio com infecção generalizada | D'Ponta News - Notícias do Paraná - Jornalismo sério para leitores exigentes!
Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2024

Ex-global Dennis Carvalho segue internado no Rio com infecção generalizada

Ator e diretor, de 75 anos, foi dispensado pela Globo em setembro deste ano
2022-12-29 às 16:05
Foto: Leo Martins/O Globo/Arquivo

O ator e diretor Dennis Carvalho, de 75 anos, está internado com um quadro de septicemia (ou sepse), infecção generalizada grave do organismo, no Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro.

O ex-global está internado desde segunda (26), mas a informação foi divulgada somente na quarta (28), pelo colunista Ancelmo Gois, d’O Globo. O jornalista disse que o estado de saúde do diretor é “muito delicado”.

Depois de 43 anos de contrato, Dennis Carvalho deixou a TV Globo em setembro de 2022. Na emissora, foi diretor de títulos icônicos, como Dancin’ Days (1978); Vale Tudo (1988) e Celebridade (2003).

O último trabalho de Carvalho na TV foi a novela Segundo Sol (2018), escrita por João Emanuel Carneiro. O parceiro com quem mais trabalhou na teledramaturgia foi o autor Gilberto Braga, que faleceu no ano passado.

Como ator, na TV, fez 25 novelas, dois seriados (Malu Mulher, em 1979-1980 e Lara com Z, 201) e um especial de fim de ano (Programa Novo, 2004). Entre direção geral, artística e de núcleo, foram 27 novelas; cinco séries – entre elas, Sai de Baixo (1996-2002) e seis minisséries.

Em alguns trabalhos, ele foi ator e diretor ao mesmo tempo, fazendo participações especiais: Te Contei? (1978); no seriado Malu Mulher (1979-1980); Vale Tudo (1988-1989), em que encarnou William, na icônica cena do porre de Heleninha Roitmann na boate, em que ela pede “um mambo bem caliente” para o disc-jóquei; O Dono do Mundo (1991); Um Anjo Caiu do Céu (2001); Celebridade (2003); Paraíso Tropical (2007) – em que deu vida ao senador Luiz Fernando Cardoso, que inquere Bebel numa CPI – e Babilônia (2015).

Relacionamentos

Foi casado com a atriz Bete Mendes (1970-1975); a professora de Educação Física Maria Thereza Schimidt e, depois, teve vários casamentos com atrizes famosas. Com Christiane Torloni (1977-1980), teve os filhos gêmeos Leonardo e Guilherme. Guilherme faleceu em 1991, num acidente. Leonardo seguiu a vocação dos pais e se tornou ator. Com Monique Alves (1981-1982) se tornou pai de Tainá. Depois, teve dois breves casamentos: com Tássia Camargo (1983-1985) e Ângela Figueiredo (1985-1987). Seu último relacionamento, o mais duradouro, foi com a atriz Deborah Evelyn, de 1988 a 2012. Com ela, teve a filha Luiza.