Quinta-feira, 25 de Abril de 2024

Primeira morte de coronavírus em cachorro foi registrada na Carolina do Norte (EUA)

2020-08-13 às 10:18

A primeira morte de um cachorro contaminado por coronavírus foi registrada na tarde da terça-feira (11), pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos da Carolina do Norte, nos Estados Unidos.

O animal apresentou dificuldade respiratória e foi levado ao Hospital Veterinário do Estado, no dia 3 de agosto. Recebeu medicamentos e suporte de oxigênio, mas não resistiu e morreu no mesmo dia.

Um exame PCR foi realizado enquanto o cachorro ainda estava vivo e o resultado apresentou positivo para o Coronavírus. Uma necropsia foi realizada e todos os fatores envolvidos na morte estão sendo investigadas.

O dono do cão informou que uma pessoa da família já havia testado positivo para a doença, mas se curou. De acordo com o Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) e o Serviço de Inspeção de Saúde Vegetal e Animal do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA-APHIS), não existem evidências de que animais domésticos colaborem para a disseminação do novo coronavírus.

“Com base nas informações disponíveis, o risco de os animais espalharem o vírus para as pessoas é considerado baixo”, explica Carl Williams, veterinário de saúde pública estadual.

Informações: CNN/Foto:Reprodução