Domingo, 24 de Outubro de 2021
foto: Clebert Gustavo

Artigo: Novo decreto traz uma luz no fim do túnel, por ACIPG

07/03/2021 às 08:44

“Sempre há uma luz no fim do túnel, se ela foi apagada é porque você esqueceu de acreditar” – Lary Kramer. Enfim um novo decreto do governador. Não ficou tão bom quanto os empresários do comércio desejavam, mas também não tão ruim quanto o pessimismo conseguiu imaginar. Há uma luz no fim do túnel. A esperança está de volta.

Na quarta-feira (10) os empresários poderão ao menos repensar no trabalho e continuar a luta pela vida e pelo progresso da nação. Neste momento devem usar das poucas energias que ainda restam e direcioná-las na reflexão daquilo que a ACIPG fez e até naquilo que deixou de fazer.

Na associação comercial que reúne a maioria dos empresários da cidade o movimento foi intenso. A presidência se ocupou com o lado diplomático da situação, reunindo-se com as principais lideranças do estado, primeiro para entender a dimensão técnica e política dos fatos, para em seguida participar de uma série de reuniões com secretarias, governos e prefeita, para sugerir alternativas eficazes de reduzir a mobilidade urbana e assim reduzir a pressão sobre o sistema de saúde sem a necessidade de fechamento total de alguns setores do comércio.

Por outro lado, instruiu o Departamento Jurídico para buscar informações junto ao Diretor de Saúde da instituição, de toda a situação do sistema de atendimento à Covid no município e na região. Instituiu a Direção de Assuntos Públicos a buscar informações sobre a aplicação dos recursos que vieram do governo federal para aplicação na saúde do município. Instituiu junto à Diretoria do Comércio o acompanhamento efetivo junto aos comerciantes para entender todo o contexto da situação.

Instruiu o institucional da ACIPG a monitorar os movimentos do comércio e não permitir o uso político da situação que poderia defenestrar a real intenção dos comerciantes que apenas desejam trabalhar, ao mesmo tempo que entendeu ser salutar uma manifestação democrática que levasse os anseios dos comerciantes a toda a população e também ao Poder Público, onde fosse possível falar que não se aceita a culpa pelo aceleramento do contágio e que, ao contrário, que se deseja participar com ideias e sugestões que levem à real redução desta velocidade. O movimento foi organizado e bem dirigido, obteve êxito e deu o recado.

Há uma luz no fim do túnel para comemorar mesmo diante de muitos cacos trazidos pelo fechamento. Hora de reconstruir. Hora de buscar entender o papel como cidadão neste tecido social e como a democracia pode levar a solução de conflitos.

A democracia pode não ser o céu, mas com certeza é o único caminho que salva do inferno nesta terra. Todos saem mais fortes e mais esperançosos. A ACIPG estará sempre junto para todas as batalhas que por certo virão. Associativismo é isto.

Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa.