Domingo, 21 de Julho de 2024

Número de endividados cai mais uma vez no Paraná

2023-04-06 às 11:38
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

A parcela de famílias paranaenses endividadas caiu pelo segundo mês consecutivo. A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC), apurada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), mostra que 93,5% da população do estado possuía algum tipo de dívida em março. A proporção é menor do que os 95% registrados em fevereiro.

Por outro lado, a inadimplência passou de 21,9% em fevereiro para 22,5% em março, configurando alta. Já a falta de condições para o pagamento das dívidas ficou praticamente no mesmo patamar: em março, 7,7% das famílias reconheciam que não conseguiriam honrar seus débitos, ante 7,2% nesta situação em fevereiro.

A redução no endividamento é vivenciada por todas as classes econômicas, sobretudo pelas famílias de menor renda, entre as quais o indicador da PEIC baixou 1,6 pontos percentuais (p.p.), ao sair de 95,3% em fevereiro para 93,7% em março.

As famílias com renda superior a dez salários mínimos são as menos endividadas e houve redução de 1,2 p.p. no indicador, que passou de 93,5% em fevereiro para 92,3% no mês passado.

Tipo de dívida

O cartão de crédito concentra a maior parte das dívidas, com 81,6%, e ficou na mesma proporção de fevereiro, quando representava 81,8% das contas a pagar.

Com 10,1%, o financiamento de carro foi o segundo motivo mais recorrente de endividamento dos paranaenses. E o financiamento imobiliário correspondeu a 5,9% das dívidas em março.

da Fecomércio-PR