Festival de Matemática da UEPG recebe comunidade e promove atividades | D'Ponta News - Notícias do Paraná - Jornalismo sério para leitores exigentes!
Sábado, 24 de Fevereiro de 2024

Festival de Matemática da UEPG recebe comunidade e promove atividades

2023-11-21 às 14:30
Foto: William Clarindo

O 2º Festival de Matemática da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) recebeu, no sábado (18), cerca de 300 visitantes na Central de Salas do campus Uvaranas. O evento, organizado pelo Departamento de Matemática e Estatística da UEPG e pela Olímpiada Pontagrossense de Matemática (OPMat), tem como objetivo divulgar a matemática por meio de atividades lúdicas e visuais.

“Muitas pessoas acham que matemática é muito difícil, que é para poucos. O objetivo desse Festival é mostrar que não é um bicho de sete cabeças, como as pessoas pensam. Todos podem aprender e a matemática está no nosso dia a dia”, explica a professora Elisangela dos Santos Meza, coordenadora do evento. O Festival reuniu cerca de 60 acadêmicos e professores dos cursos de Licenciatura em Matemática e Bacharelado em Matemática Aplicada.

Em cada sala, era ofertada uma atividade baseada em um diferente conceito da área: montar origamis, xadrez, Twister, cubos mágicos, entre outros. Em uma das salas, os visitantes podiam explorar o ‘Ambiente das Frações’. Com as luzes apagadas, os acadêmicos desafiavam os convidados a solucionar operações matemáticas com frações apostando no tato e no raciocínio. “Fizemos um trabalho sobre a régua de frações, então já tínhamos uma base muito boa de fração”, pensa a acadêmica Fabiane Peremibida Iarochevski. “Aí foram surgindo as ideias: fazer uma dinâmica que chame atenção e que leve os visitantes a ficar mais tempo na sala e aprender mais coisas”, detalha Fabiane, do segundo ano da Licenciatura em Matemática, uma das responsáveis pela sala.

O vice-reitor da UEPG Ivo Mottin Demiate esteve presente no evento e parabenizou os acadêmicos e professores pela atividade. “É um trabalho muito bonito, trazendo alunos das escolas da região da cidade para apresentar várias coisas importantes, interessantes e curiosas relacionadas ao ensino e à ciência da matemática”, considera. “Isso aproxima a comunidade de um curso tão importante e, além de divulgar a importância da área, também estimula os jovens na idade escolar a se interessar pelos vestibulares, não só na Matemática, mas em áreas que envolvam esses conhecimentos”, adiciona. “São nossos projetos de extensão mostrando a Universidade para a sociedade e a UEPG mostrando sua competência”, completa Demiate.

A professora da rede estadual Mara Eliza dos Santos soube do Festival pela escola em que trabalha e onde a filha, de 11 anos, estuda. No Festival, a filha de Mara fez amizades e participou de todas as atividades possíveis. Para a mãe, o evento foi a chance de apresentar uma atividade pedagógica interativa sem telas. “É importante motivar ela para ver a matemática de uma forma diferente e perceber que está no nosso dia a dia em jogos, brincadeiras e não tão difícil como pode ser colocada na escola”, pensa.

da assessoria