Sábado, 13 de Julho de 2024

Associação do Memorial do Basquete de Ponta Grossa realiza estudo preliminar arquitetônico para futura sede

2024-03-22 às 14:50

Seguindo o cronograma de atividades, ocorreu no Hotel Planalto, no último dia 12 de março, o estudo preliminar arquitetônico para futura sede da Associação do Memorial do Basquete de Ponta Grossa (AMBPG), em local próximo à região do Lago de Olarias.

Na oportunidade foi apresentado aos membros da AMBPG um desenho inicial do que poderá ser o projeto, elaborado pela arquiteta Jalline Cesca, juntamente com o museólogo João Paulo Corrêa, que assessoram a entidade.

Durante a apresentação tudo foi detalhadamente debatido entre os presentes. Foram levantadas questões sobre a geografia do terreno e funcionalidade das futuras instalações. Nesta mostra para o estudo preliminar arquitetônico, inicialmente o prédio abrigará, além do acervo, espaços para o público, quadra esportiva e espaço técnico/administrativo. Tudo em três níveis, previstos numa área construída de aproximadamente 2.600 m².

Algumas novas ideias e ajustes foram sugeridos e deverá ser feito um novo estudo preliminar, levando em consideração o que será possível fazer, conforme as normativas e regras estabelecidas, inclusive na captação dos recursos.

A ideia da AMBPG é formatar uma edificação prática e moderna, que venha possibilitar e otimizar estratégias para fomentar e manter o espaço do Memorial, oferecendo opções de cultura e lazer para a comunidade em geral.

Com a destinação da área cedida pela PMPG, o Memorial do Basquete de Ponta Grossa passa a viver um novo ciclo em sua trajetória, rumo a concretização da obra das instalações de sua sede, a qual deverá contribuir com inúmeros benefícios a cidade de Ponta Grossa , como a geração de empregos, resgate da tradição histórica do basquete e cultura.

De acordo com Marcel Moro, membro da AMBPG , a entidade movimentará setores como o de hotelaria , através de eventos esportivos, culturais, além do turístico. “A proposta é que a entidade possa fazer parte de uma rota turística do Paraná, algo que pode ser uma iniciativa inédita no País. Portanto, será fundamental a participação da sociedade civil e da iniciativa privada, tendo em vista eventos e ações do Memorial, para tornarmos realidade esse magnífico projeto que trará muito orgulho a todos nós”, disse Marcel Moro.

O objetivo do Memorial é eternizar a memória do basquetebol princesino, que ao longo de décadas se funde com a própria história do basquete paranaense e brasileiro.

da assessoria