Sexta-feira, 18 de Junho de 2021
foto: Clebert Gustavo

Ex-vítima de ‘bullying’, Karine Jabur conta a sua jornada de superação em livro

04/10/2020 às 10:50

Você tem medo do espelho? Não, essa pergunta não tem relação com filmes de terror em que os espelhos revelam figuras ocultas. Também não está necessariamente relacionada a padrões estéticos de beleza. Responda para si mesmo, sem enganar-se a si mesmo: quando se olha no espelho, você se sente bem com a pessoa que vê ali? “Para o ser humano ser feliz, é preciso ter um bom relacionamento com o espelho. Ninguém vai admirar você se os seus olhos não brilharem”, afirma a enfermeira e escritora ponta-grossense Karine Jabur.

Autora do livro Teu coração é teu céu (Editora Estúdio Texto), lançado este ano, Karine usa a sua própria experiência para incentivar outras pessoas a analisarem as suas vidas e a enfrentarem as suas batalhas internas. Depois de uma adolescência castigada pelo bullying, ela resolveu dar uma reviravolta pessoal. “Chegou um momento que eu não suportava mais sofrer, sempre procurava nos outros o que faltava em mim. Tinha pensamentos negativos, me sentia gorda, horrorosa. Aos poucos, fui entendendo que a mudança, a reforma íntima, só dependia de mim”, relembra.

A vida como ela é

Todo esse “processo de despertar” começou em 1997, quando ela entendeu que precisava se amar mais. A questão é que uma coisa é entender, outra coisa é agir. “Eu fui enfrentando as batalhas, uma por vez. Fiz do meu ser um laboratório vivo, tornei-me uma cientista de mim mesma. Não foi fácil encarar a vida como ela é, exigiu disciplina, fé e, principalmente, ação”, revela.

Inspirada na bioenergética, Karine encontrou na alimentação saudável e no esporte dois apoios fundamentais para a sua mudança. “Somos o que comemos. Somos o que pensamos que somos. Somos energia pura. Quanto mais movimento por meio da atividade física, mais energia circula. Onde está o nosso pensamento, está a nossa força”, filosofa.

Maratona interna

Funcionária pública municipal, Karine atua na área de saúde mental há cinco anos, e foi ouvindo pessoas das mais variadas idades que ela percebeu o quanto as dores são parecidas. Ela calcula que cerca de 80% dos pacientes relatam sofrimentos ligados a culpa, ressentimento, dificuldade de perdoar, baixa autoestima e distanciamento da própria essência. Esse alarmante índice despertou nela a vontade de compartilhar as suas descobertas, conhecimentos e experiências. “Coloquei no papel a minha história, a minha maratona interna. Em essência, nós somos todos iguais, vivendo diferentes experiências”, declara.

Teu coração é teu céu pode ser encontrado na Livrarias Curitiba, Treme Terra, Armazém Chica Benta e Odonto Fit, ou diretamente com a autora, por meio das redes sociais.

Por Eduardo Godoy | Foto: Divulgação