Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022

Gersinho fica! “Para mandar a comissão técnica e o treinador embora custa R$ 700 mil”, diz presidente do Grupo Gestor do Operário Ferroviário

29/07/2020 às 14:16

Após a eliminação do Operário Ferroviário pelo Cianorte nas quartas de final do Campeonato Paranaense no último dia 22, muitas dúvidas surgiram acerca da permanência do treinador alvinegro Gerson Gusmão no cargo.

A Torcida Trem Fantasma revela que quer a saída do técnico Gerson Gusmão devido aos resultados ruins nas últimas partidas. “Somos contra a continuidade do trabalho por parte do treinador Gerson Gusmão devido aos últimos resultados negativos e desclassificações. Porém, ressaltamos que já que ele permaneceu, esperamos números positivos nas quatro primeiras rodadas da Série B. Caso não venha, esperamos uma atitude da diretoria para a saída do técnico”, diz.

No entanto, José Álvaro Góes Filho, presidente do Grupo Gestor do Operário, garante que o treinador está mantido no cargo por uma questão de continuidade do trabalho e de economia das receitas do clube. “Para mandar a comissão técnica e o treinador embora custa R$ 700 mil, muita gente deve achar que dinheiro dá em árvore. Outra coisa, o Gersinho montou esse elenco, nós trouxemos nove jogadores novos, escolhidos a dedo, claro que o torcedor tá no direito de protestar, mas o Gerson é um cara honesto, trabalhador, que eu posso confiar. Ele permanece no cargo, nosso objetivo é colocar o Operário na Série A”, explica.

Confira a nota oficial da Torcida Trem Fantasma

Após a eliminação do Campeonato Paranaense, tomamos a posição como voz de muitos torcedores que se vêem desconfortáveis com atitudes e resultados prestados pela Comissão Técnica atual e jogadores. Reafirmamos a ciência da importância de muitos profissionais que permaneceram no clube até hoje no Grupo Gestor, o Comandante Gerson Gusmão, seus pares da comissão e jogadores, e por isso o respeito aos citados sempre vai existir decorrente do reconhecimento por todas as conquistas obtidas até o ano de 2018. Porém, a situação observada nos últimos tempos faz necessário um posicionamento contundente visando a retomada do bom rendimento do time já para o campeonato brasileiro da série B em 2020.

Através desta nota colocamos a partir de hoje SOMOS CONTRÁRIOS A CONTINUIDADE DO TRABALHO DE GERSON GUSMÃO A FRENTE DO COMANDO TÉCNICO DO OPERÁRIO FERROVIÁRIO! Após mais um Paranaense eliminado de forma vergonhosa, eliminação da Copa do Brasil dentro de nossa casa, e agora a ridícula perca da vaga para a edição de 2021 da última citada.

Os números pífios do paranaense nada mais são do que a continuidade do baixo rendimento observado desde a temporada de 2019 Últimos 43 jogos 17 vitórias 14 derrotas 12 empates. Últimos jogos em casa: Operário 0 x 2 América MG, Operário 1 x 3 Athletico PR, Operário 1 x 1 Toledo e Operário 0 x 2 Cianorte.

A insatisfação é geral , não admitimos mais a forma proposta e resultados que não vem sendo atingidos juntamente com o não rendimento de alguns jogadores que em outros clubes apresentam números considerados bons e aqui não demonstram seu potencial dentro do esquema que nosso treinador insiste em manter e que os números demonstram não funcionar!

Buscaremos uma conversa com a Diretoria para apresentar estas palavras e descontentamento com tudo que sê vê ocorrendo.

TREM FANTASMA

Foto: OFEC