Sábado, 25 de Junho de 2022

HGU e Laboratório Unimed conquistam selo de excelência pela ONA

25/02/2022 às 08:55
Foto: Divulgação/Veridiane Parize

O Hospital Geral Unimed (HGU) e o Laboratório Unimed receberam a acreditação ONA nível 3, certificação de excelência, pela Organização Nacional de Acreditação (ONA).

Entre os 460 hospitais do Paraná, o HGU é o nono a conquistar o selo ouro. Nos Campos Gerais e no Sistema Unimed no estado, foi o primeiro, e continua sendo o único com este nível de acreditação. Já na área de análises clínicas, o Laboratório Unimed tornou-se o primeiro do estado a ser ONA 3. Nacionalmente, segundo dados do IQG – Health Services Accreditation, dos cerca de 6.800 hospitais brasileiros, apenas 447 são acreditados, representando aproximadamente 6,5% das instituições do país.

“É realmente um momento de alegria sermos certificados com nível de excelência e, como costumamos fazer nessa gestão, isso não serve de comodismo para nós. Vamos partir para os próximos anos, com um novo ciclo, visando à manutenção dessa certificação tanto no HGU quanto no Laboratório. Esperamos que seja algo que perpetue e que esteja presente no nosso dia a dia, no atendimento, no cuidado ao beneficiário, aos nossos colaboradores e aos nossos cooperados”, declarou Eduardo Bacila de Sousa, diretor-presidente da Unimed Ponta Grossa.

As instituições foram avaliadas pelo Instituto de Planejamento e Pesquisa para a Acreditação de Saúde (IPASS), a partir de critérios de segurança, gestão integrada dos processos e excelência em gestão. Com foco na segurança do paciente e melhoria contínua dos processos, os avaliadores buscam evidências de conformidade com os padrões do Manual Brasileiro de Acreditação nas diversas áreas, visando demonstrar ciclos de melhorias e maturidade institucional.

Adriano Antunes da Silva, diretor técnico do IPASS dentro da ONA, acompanhou desde o início o caminho do HGU em todos os níveis de acreditação hospitalar e destaca o desafio de buscar a certificação durante a pandemia.

“Esse certificado concede a vocês que o paciente está no centro do cuidado. Acima de tudo, a coroação do nível 3 de excelência é uma consequência, porque sabemos que temos uma instituição segura, que tem seus processos gerenciados que é o que os níveis 1 e 2 preconizam. Vocês conseguiram, nesses últimos dois anos, cada vez mais se sobressair sobre as adversidades. O nível 3 coroa isso, o ciclo de melhoria, o trabalho em equipe, a união de todos em prol do paciente”.

Reconhecimento interno

Nesta sexta (31), a cooperativa médica realizou uma ação interna simbólica com as coordenações médicas, assistenciais e administrativas como forma de reconhecimento às equipes que se dedicaram a todo o processo de mudança de nível de acreditação.

“Foi uma construção de muito trabalho, muita dedicação, muito suor. Hoje, conquistamos não só o certificado ao hospital, mas também, uma forma de mostrar que todo esse trabalho teve um resultado. Nós temos o compromisso com nossos pacientes de manter o jeito de cuidar Unimed e a segurança do nosso paciente em evidência para que nós nunca esqueçamos que esse é nosso maior legado”, ressaltou Jorge Soistak, gerente administrativo do HGU.

Durante a ação, que consistiu em uma entrega de medalhas aos colaboradores, Fernanda Razouk, gerente do Laboratório, salientou os esforços das equipes em conciliar o contexto da pandemia e o compromisso do cumprimento dos requisitos para a certificação.

“Realmente é uma equipe que entrega muito resultado, que sempre está muito disposta, que consegue trabalhar com todas as adversidades que a gente enfrenta no dia a dia. Passamos por uma avaliação desafiadora, mas que nos trouxe um resultado maravilhoso, que é a certificação ONA3”.

Histórico 

Existem três níveis de acreditação: Nível 1 – Acreditado, para instituições que atendem os critérios de segurança do paciente; nível 2 – Pleno, para instituições que também apresenta gestão fluida e comunicação entre as atividades; e nível 3 – Excelência, para instituições com cultura organizacional de melhoria contínua.

O primeiro nível de acreditação pela ONA conquistado pelo HGU foi em 2013. O avanço de nível para o 2 aconteceu em 2019, quando o Laboratório Unimed também passou pela avaliação e recebeu a primeira certificação.

A adesão ao processo de acreditação é voluntária, já que a ONA não tem caráter de fiscalização e não é prescritiva. O certificado é válido por dois anos e, durante este período, são feitas as avaliações de manutenção de seis a oito meses.

do HGU