Sábado, 13 de Abril de 2024

Pais de bebê de paranaense pedem ajuda para comprar remédio de R$ 12 milhões, o mais caro do mundo

2020-09-09 às 15:28

Uma família curitibana está passando por um momento difícil. Pietro Carlos Sampaio de Oliveira, de apenas dois meses, foi diagnosticado com Atrofia Medular Espinhal do Tipo I (AME I). O tratamento utiliza o medicamento zolgensma, considerado o mais caro do mundo. Uma única dose do remédio pode chegar a custar R$ 12 mihões.

De acordo com o técnico mecânico José Carlos de Oliveira, pai da criança, a gestação foi tranquila e Pietro nasceu, aparentemente, saudável. Somente depois dos 17 dias de vida que os pais começara a reparar que ele estava perdendo os movimentos. “A pediatra ficou desconfiada e foi pedindo vários exames, e eles deram todos normais. Ela achou ainda que estava estranho, e fizeram novos exames, mas deu tudo normal. Ele passou por uma neuropediatra, e ela descobriu que ele tinha Atrofia Medular Tipo I”, explica.

Agora, a família corre contra o tempo para juntar o dinheiro e garantir o tratamento ao pequeno Pietro. Para auxiliar na arrecadação de fundos, os pais do menino criaram uma ‘vaquinha virtual‘, que já conta com 230 apoiadores e arrecadou quase R$ 17 mil.

A história de Pietro também pode ser acompanhada pela conta do Instagram criada pela família.