Qual o papel da mulher na sociedade moderna? Ponta-grossenses falam sobre o assunto no Dia Internacional da Mulher | D'Ponta News - Notícias do Paraná - Jornalismo sério para leitores exigentes!
Segunda-feira, 04 de Março de 2024

Qual o papel da mulher na sociedade moderna? Ponta-grossenses falam sobre o assunto no Dia Internacional da Mulher

2020-03-08 às 15:16

Mãe, filha, amiga, conselheira, profissional. Os papéis que a mulher moderna assume na sociedade atual são os mais diversos e, na maioria das vezes, convergentes. Mas, como essas mulheres enxergam o seu papel na sociedade? A reportagem do portal D’Ponta News conversou com quatro ponta-grossenses de diferentes áreas para saber o que elas pensam a respeito.

Helen Machado Hampf

“O papel da mulher é plural, dinâmico e cuidadoso, através da sua visão panorâmica dentro dos diversos papéis que desempenha. É equilíbrio em meio ao turbilhão interno de hormônios, e externo de tecnologia e avanço na vida em sociedade”, coloca Helen Machado Hampf, sexóloga, especialista em sexualidade, palestrante e empresária. Ela ainda acredita que ser mulher nos dias atuais é conseguir conduzir diversos papéis aos mesmo tempo. “É administrar aprendizado e execução de como ser filha, irmã, amiga, mãe, companheira, trabalhadora, administradora, avó, tudo uma fase única que é o agora escrevendo este livro chamado vida”, complementa.

Karina Janz Woitiwicz

Já para a professora e pesquisadora Karina Janz Woitowicz, a mulher possui um papel transformador na sociedade, e tem cada vez mais consciência dele. “Muitas foram as conquistas, em diversos âmbitos, que possibilitaram o reconhecimento de direitos. No entanto, ainda é preciso combater o machismo em todas as suas expressões”. A professora acredita que é necessário que as mulheres assumam as lutras contra a discriminação e a opressão. “Enquanto persistir a violência de gênero e o preconceito, que se acentua diante de diferenças de raça, classe e identidade sexual, não é possível falar de igualdade de direitos para todos e todas”, afirma.

Maria Priscila Alves Nabozni

Maria Priscila Alves Nabozni, empresária e CEO da agência de comunicação MAPA360, também acredita que o poder de transformar a sociedade está nas mãos das mulheres. “Esta mudança precisa começar por nós mesmas, e neste caso faço um convite a todas as lideranças femininas da nossa cidade, para que reflitam se estão realmente contribuindo para esta mudança de cenário, ou se estão apenas desejando um feliz ‘Dia Internacional da Mulher’ para sua colaboradoras”, instiga. A empresária ainda conta que 70% dos seus colaboradores são mulheres. “Eu decidi que faria com as minhas colaboradoras exatamente o que eu gostaria que fosse feito comigo, caso eu estivesse em situação contrária”, complementa.

Indianara Milléo

“Hoje, indiscutivelmente as possibilidades são imensas, distintamente de décadas passadas”, comenta a empresária e presidente do Clube Ponta Lagoa, Indianara Milléo. Para ele, a capacidade das mulheres unirem força e leveza é o que as torna capazes de enfrentar as adversidades. “A todo tempo e hora as mulheres podem e devem encontrar espaços para demonstrarem com dignidade, resiliência e igualdade sua capacidade transformadora em nossa sociedade”, conclui.