Domingo, 22 de Maio de 2022

Vídeo: “Isso não vai acontecer em hipótese nenhuma!”, diz Rangel sobre empreendimento que poderia prejudicar aeroporto de PG

26/06/2020 às 16:24

O prefeito Marcelo Rangel usou as redes sociais na tarde desta sexta-feira, 26, para afirmar que o Aeroporto Municipal não será prejudicado por construções próximas ao aeródromo. “Nós estamos hoje [26/06] encaminhando um projeto para a Câmara de Vereadores proibindo qualquer emissão de alvarás de construção no cone de aproximação, de transição, de amortecimento para pouso de aeronaves e decolagens”, disse Rangel.

“Foi um trabalho árduo que nós tivemos, e conseguimos ter um aeroporto viável que terá uma ampliação de R$ 35 milhões de reais”, falou.

Assista ao vídeo publicado.

Alguém vai PREJUDICAR O NOSSO AEROPORTO??Prefeito Rangel, neste video acaba com qualquer possibilidade disso!

Publicado por Marcelo Rangel em Sexta-feira, 26 de junho de 2020

OUTRAS CRÍTICAS

Na manhã desta sexta-feira (26), durante o programa de rádio Nilson de Oliveira na Mundi FM, o prefeito Marcelo Rangel, rebateu críticas sobre as alterações no Plano Diretor do município que poderiam prejudicar o Aeroporto Sant’Ana e o Distrito Industrial Ciro Martins. Recentemente, uma mudança na lei de zoneamento permitiu investimentos residenciais no local, o que impossibilitaria o pouso de aeronaves. 

Rangel explicou que o projeto foi feito pelo Conselho das Cidades, encaminhado para a Câmara Municipal e aprovado pela maioria dos vereadores. “As pessoas esquecem que tem poder legislativo. As pessoas não acompanham as leis, não têm um representante, ou de repente não sabem o que ele está votando, não acompanham as audiências publicas. Quando é aprovada uma lei, depois de meses e meses de discussão, vão lá no prefeito para ver se o prefeito conserta”, dispara.

O prefeito lembra a importância da população acompanhar o trabalho do poder legislativo. “Tem gente que precisa estudar o que um vereador faz, o que ele representa para uma cidade. Tem gente que não sabe que um vereador faz leis e que ele pode alterar um zoneamento e aprovar o Plano Diretor”, frisa.

De acordo com Rangel, ainda há tempo de reverter a situação. Ele lembra que Plano Diretor será encaminhado pela Prefeitura Municipal para a Câmara de Vereadores e deverá ser votado até o final do ano. “É simples, não precisa ter nenhuma polêmica. É só conversar com um vereador que ele faz uma emenda para alterar o zoneamento e acabou”, enfatiza.

“Ninguém e nem nada vai prejudicar o nosso aeroporto. Nós não vamos criar prédio ou construir uma indústria com uma torre enorme para os aviões não descerem. É impossível”, garante Rangel. Ele revela a intenção de elaborar um projeto de lei para criar um cinturão de segurança que garanta a aproximação das aeronaves no Aeroporto Sant’Ana.

Em meio às polêmicas, o prefeito destaca o trabalho realizado para a reativação do aeroporto. “Desculpem-me a fraqueza, mas ninguém na cidade de Ponta Grossa defende mais o aeroporto do que eu”, afirma. “Nunca investiram no aeroporto, pelo contrário, queriam fechar o aeroporto. Diziam que não ia funcionar nunca, porque nós estamos a 100 km de Curitiba e que era uma vergonha colocar dinheiro público no aeroporto”, alfineta.

Rangel salienta ainda a importância do aeroporto para o desenvolvimento econômico da cidade. “A maior conquista que nós tivemos para o setor produtivo foi o nosso aeroporto. Nenhuma outra conquista na história de Ponta Grossa foi maior. É o aeroporto que fomenta indústria e comércio de uma cidade”, enfatiza.