Segunda-feira, 27 de Maio de 2024

Vídeo: Policial militar, suspeito de matar jovem no Distrito Industrial, se apresenta na 13ª SDP

2022-08-29 às 12:43
Foto: Arquivo

A 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa afirmou, na manhã desta segunda-feira (29), que o policial militar de 31 anos, suspeito de matar Wanderson Willian da Silva Machado, de 24 anos, no último fim de semana, se apresentou na delegacia juntamente com o advogado.

Segundo o delegado Derick Moura Jorge, foram adotadas as providências cabíveis iniciais quanto ao caso, como o acionamento do Instituto Médico Legal e do Instituto de Criminalística, assim como a indicação de possíveis testemunhas que tenham presenciado os fatos. “O policial relatou que, segundo ele, na noite dos fatos, o senhor Wanderson teria investido fisicamente contra ele, com uma garrafada na região da cabeça, momento no qual ele teria efetuado um disparo, que acabou atingindo o senhor Wanderson. Informou ainda que não permaneceu no local, eis que em razão dos ferimentos sofridos pela agressão precisou de atendimento inicial”, revela o delegado da Polícia Civil.

A PC também afirma que o suspeito também apresentou, de forma espontânea, a arma de fogo utilizada no crime, para que pudesse ser submetida aos exames periciais. Segundo o delegado responsável pelo caso, o suspeito não foi preso em flagrante, em razão do comparecimento espontâneo na delegacia, “eis que nossa legislação veda essa prisão quando ocorre este comparecimento espontâneo”, pontua. Um inquérito policial foi instaurado pelo setor de homicídios, que deverá verificar as informações coletadas e a veracidade da versão apresentada pelo suspeito.

Em vídeo divulgado pela 13ª SDP, o delegado Dr. Derick dá detalhes sobre o caso:

Relembre o caso

Homem morre após ser baleado em confraternização no Distrito Industrial de PG