Um ano depois, obras de revitalização da Orla de Matinhos alcançam 80% | D'Ponta News - Notícias do Paraná - Jornalismo sério para leitores exigentes!
Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2024

Um ano depois, obras de revitalização da Orla de Matinhos alcançam 80%

2023-06-26 às 17:23
Fotos: Albari Rosa/AEN

Há um ano o governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciava o início das obras de recuperação da orla de Matinhos, no Litoral do Paraná, colocando fim a uma espera de décadas. A autorização, via rádio, era para que comandante da draga Galileo Galilei começasse o bombeamento da areia que permitiria a engorda da faixa litorânea, transformando a história do balneário paranaense.

Agora, exatamente 366 dias depois, o projeto atingiu 80% de conclusão, segundo balanço mensal divulgado nesta segunda-feira (26) pelo Instituto Água e Terra (IAT) em parceria com o Consórcio Sambaqui, grupo de empresas responsável pelas obras, vencedor da licitação pública. O engordamento da faixa de areia, inclusive, foi completamente concluído, assim como algumas das estruturas marítimas semirrígidas.

Agora os veranistas e moradores contam com um espaço com largura variando entre 70 metros e 100 metros à beira-mar. O investimento do Governo do Estado na revitalização é de R$ 314,9 milhões, com previsão de término para o segundo semestre de 2024.

“Essa é uma das obras mais importantes da história do Paraná, que vai mudar definitivamente o status do nosso Litoral”, disse o diretor-presidente do IAT, Everton Souza. “Estamos dentro do cronograma e, pelo ritmo, posso dizer que até meados do ano que vem a obra estará concluída. A temporada de verão de 2024 para 2025 já será com uma nova orla em Matinhos. Preciso ressaltar e agradecer todo o empenho da equipe do instituto. Eles fizeram com que a obra acontecesse e andasse em bom ritmo.

O panorama atual da intervenção em Matinhos, de acordo com o relatório, aponta que muitas das estruturas que compõem a obra estão 100% concluídas. São os casos do Espigão da Praia Brava e dos Headlands de Riviera e Flórida. Além disso, a etapa de lançamento de tetrápodes na Praia Brava (340), Flórida (681), Riviera (681) e Matinhos Norte (469) também foi finalizada.

Segue agora apenas na área Paraná Sul (66,6%) – as estruturas de concreto têm cerca de 3 metros de altura e 4,3 metros cúbicos de volume, pesando, cada uma, entre 10 e 12 toneladas. São peças essenciais para evitar possíveis danos às estruturas marítimas.

“São peças essenciais para a manutenção da areia, para que não haja a necessidade de uma nova engorda de praia daqui uns 15, 20 anos. Estruturas que também vão colaborar com o paisagismo, criando novos pontos turísticos para Matinhos”, afirmou Souza.

O que falta fazer

A obra agora se concentra em outros pontos da orla e em algumas ruas do município que estão recebendo a nova formatação de macro e microdrenagem. A construção dos guias-correntes da Avenida Paraná, por exemplo, atingiu 91,3%. Já os guias-correntes de Matinhos está em 76,9%. A urbanização de Caiobá chegou em 56% e a dos demais balneários a 52%.

A macrodrenagem está 67% concluída, com a microdrenagem, iniciada em maio, alcançando 6,13%. O plantio da restinga (68,8%) e o lançamento dos tetrápodes no Paraná Sul (66,6%) também precisam ser finalizados.

Etapas

A obra de revitalização da orla de Matinhos é feita em duas etapas, num valor total de R$ 500 milhões. A fase inicial, com orçamento de R$ 314,9 milhões, abrange serviços de engorda da faixa de areia por meio de aterro hidráulico; estruturas marítimas semirrígidas; canais de macrodrenagem e redes de microdrenagem e revitalização urbanística da orla marítima com o plantio de espécies nativas.

O projeto é acompanhado de melhorias na pavimentação asfáltica e recuperação de vias urbanas. O objetivo é minimizar os impactos gerados pela combinação do desequilíbrio de sedimentos, ocupações mal planejadas e fenômenos naturais, como chuvas fortes e ressacas que costumeiramente atingem o Litoral. Essa combinação vem destruindo e comprometendo boa parte da infraestrutura urbana, turística e de lazer em Matinhos.

As intervenções serão feitas ao longo de 6,3 quilômetros entre o Morro do Boi e o Balneário Flórida. Em uma segunda etapa, ainda sem previsão de data, será recuperado o trecho de 1,7 quilômetro entre os balneários Flórida e Saint Etienne. Haverá, ainda, a instalação de novos equipamentos urbanos, como ciclovia, pista de caminhada e corrida, pista de acessibilidade e calçada.

Confira a mais recente atualização do andamento do Projeto de Recuperação da Orla de Matinhos:

Porcentual de execução da obra: 80%

Espigão da Praia Brava: 100%

Guias-Correntes da Avenida Paraná: 91,3%

Guias-Correntes de Matinhos: 76,9%

Headland Riviera: 100%

Headland Flórida: 100%

Urbanização Caiobá: 56%

Urbanização Balneários: 52%

Plantio de restinga em Caiobá: 68,8%

Macrodrenagem: 67%

Microdrenagem: 6,13%

Assentamento Macrodrenagem: 796,61 metros (58,4%)

Assentamento Microdrenagem: 146 metros (0,7%)

Tetrápodes lançados na Praia Brava: 340 (100%)

Tetrápodes lançados no Flórida: 681 (100%)

Tetrápodes lançados no Riviera: 681 (100%)

Tetrápodes lançados no Matinhos Norte: 469 (100%)

Tetrápodes lançados no Paraná Sul: 826 (66,6%)

da AEN