Sábado, 20 de Julho de 2024

‘Compra Londrina’ é premiado pelo Smart City Expo Curitiba Brazilian Awards

2024-03-25 às 14:13
Foto: Divulgação

Na última sexta-feira (22), o Smart City Expo Curitiba, promovido pelo iCities, empresa brasileira pioneira em cidades inteligentes, anunciou os vencedores da primeira edição do Smart City Expo Curitiba Brazilian Awards, em uma cerimônia que reuniu mais de 2 mil pessoas. O Programa Compra Londrina, que incentiva as empresas locais a disputarem negócios em órgãos públicos, foi um dos vencedores da inciativa que premia os melhores projetos brasileiros em cinco categorias: Cidade Inteligente; Cidade Sustentável; Equidade Social; Mobilidade Urbana; Transformação e Inovação Digital.

O programa venceu na categoria Equidade Social, que visa reconhecer os projetos que promovem o protagonismo cidadão, que o estimulam a ter um papel ativo nos processos de transformação das cidades, com iniciativas e soluções inovadoras que impactem na redução das desigualdades, na inclusão e participação social ativa e governo aberto. No caso do Compra Londrina, o prêmio incentiva a participação do cidadão com a inserção de pequenas empresas nas licitações, gerando empregos e renda para o Município.

Foto: Divulgação

Ao todo, foram inscritos cerca de 300 projetos de todo o Brasil, entre organizações públicas ou não governamentais, empresas e empreendedores, centros de inovação e pesquisa, e consórcios público-privados com projetos aplicados em cidades brasileiras.

O secretário municipal de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, secretaria que gerencia o Compra Londrina, comemorou o resultado e comentou que foi um grande desafio reverter o ambiente das compras públicas e transformar a licitação em algo que as pessoas realmente enxerguem como sendo lícitas. “Construímos um ambiente de integridade, que nos permitiu dialogar com as empresas privadas, com confiabilidade e boa-fé, com a participação das entidades que fizeram parte deste programa. Tudo isso, somado à paixão com que os servidores têm desenvolvido o trabalho, e ao apoio de primeiríssima hora do prefeito Marcelo Belinati, são as razões desse sucesso. Isso tem se revertido em melhores serviços para a Prefeitura, mais desenvolvimento econômico e credibilidade para o nosso processo de compras públicas. É o que buscávamos e agora vamos buscar, ainda mais, com um novo programa, chamado LondrINOVA, para fazer um Compra Londrina na área de informatização da Prefeitura”, apontou.

Os vencedores das outras quatro categorias foram: E.I.T.A!Recife, Recife (PE) (Cidades Inteligentes); Araguaína 4.0: A Cidade Que Não Para, Araguaína (TO) (Transformação Digital e Inovação); Quintal Florestal Sustentável, Santarém (PA) (Cidade Sustentável); Ciclovia do Trabalhador, Arapiraca (AL) (Mobilidade Urbana). Após a premiação, no dia seguinte, o secretário Fábio Cavazotti apresentou um painel sobre o Compra Londrina com os demais vencedores, durante o congresso.

Foto: Divulgação

Em entrevista para o jornal Bem Paraná, o sócio-diretor e fundador do iCities, Roberto Marcelino, disse que O Smart City Expo Curitiba Brazilian Awards é o prêmio dedicado a divulgar e reconhecer o que há de melhor em cidades inteligentes no Brasil. Ele citou que escolher os melhores projetos dentre os mais de 300 cases que foram recebidos, das cinco regiões brasileiras, de organizações públicas e privadas, foi muito desafiador e, ao mesmo tempo, extremamente gratificante.

Números do Compra Londrina – Desde o início do programa, lançado em 2017, até 2023, R$ 630 milhões foram comprados em produtos, serviços e obras, de mais de 1.500 CNPJs de Londrina, dos quais 85% são micro e pequenas empresas. Somente em 2023, foram R$ 130.975.267,33 comprados em produtos, serviços e obras negociados com 237 empresas de Londrina, valor recorde da série histórica do programa. Para os anos de 2024 e 2025, há mais de 200 licitações, entre compras e obras, que devem gerar mais de R$ 400 milhões em negócios.

da assessoria