Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

“Ações de segurança do Governo nas escolas tranquilizam mães e pais”, diz deputada Maria Victoria

2023-04-15 às 09:07

A deputada estadual Maria Victoria (PP) elogiou as medidas anunciadas nesta semana pelo governador Ratinho Júnior (PSD) para prevenir e evitar casos de violência nas escolas do Paraná. O Governo do Estado está aumentando a presença das forças de segurança no ambiente escolar, ampliando o vídeo-monitoramento nos colégios, viabilizando o botão do pânico para professores, treinando os servidores e assegurando suporte psicológico para os alunos e docentes. Além disso, foram liberados mais R$ 20 milhões para a compra de equipamentos para reforçar a segurança as escolas.

“São ações de segurança em diversas frentes que tranquilizam mães e pais a deixar seus filhos e filhas nas escolas”, disse nesta sexta-feira (14) a deputada. “Precisamos unir o poder público e a comunidade escolar para assegurar ambientes protegidos para que as nossas crianças possam estudar e aprender com tranquilidade”, acrescentou.

Entre as medidas está a ampliação do programa Escola Segura, que começou a ser implantado no Paraná em 2019 em parceria entre a PMPR e as secretarias da Educação e da Segurança Pública, que passará de 112 para 300 escolas que tenham histórico de violência. Com isso, o Estado deverá colocar cerca de 5,6 mil policiais militares para atuar nos colégios paranaenses. Todas as viaturas policiais que não estiverem em atendimento de ocorrências ficarão em frente às escolas para reforçar a segurança dos locais.

“Este é um esforço que o Estado está fazendo para garantir a segurança em todo o ambiente escolar, mas nós pedimos também a colaboração dos pais, para que atuem acompanhando de perto o que seus filhos veem na internet, o que estão levando para as escolas e que também imponham limites a eles”, disse o governador Ratinho Junior.

TECNOLOGIA – A tecnologia também será utilizada para aumentar o monitoramento com a instalação de novas câmeras do programa Olho Vivo e disponibilizando o botão do pânico para professores. O Estado deverá investir mais R$ 8,4 milhões para a implantação de 200 sistemas de monitoramento em escolas consideradas estratégicas.

Já o Botão do Pânico está vinculado ao aplicativo 190 PR, da Polícia Militar e, ao ser acionado, gera um atendimento de emergência ao local da vítima, baseado na localização do solicitante.
TR

TREINAMENTO – O primeiro encontro do Treinamento em Segurança Escolar Avançado ocorreu nesta quinta-feira quando foram reunidos cerca de 350 diretores de escolas estaduais da Região Metropolitana de Curitiba. Ao todo o curso será aplicado a 2,2 mil profissionais dos 32 Núcleos Regionais de Educação até 5 de maio. A ideia é que estas pessoas atuem como multiplicadores de conhecimento após capacitação, impactando, ao todo, cerca de 100 mil profissionais.

“O Paraná é o único estado que treina os seus servidores escolares para lidar com situações de crise e agora vamos ampliar a iniciativa para abranger também os treinamentos de segurança pública”, afirmou Ratinho Junior.

da assessoria