Sábado, 13 de Julho de 2024

Assembleia Itinerante começa nesta quarta-feira (10) na Expoingá

2023-05-09 às 18:03
Foto: Leonardo Cunha/Alep

Entre os dias 10 e 13 de maio, é a vez da Exposição Feira Agropecuária, Industrial e Comercial de Maringá (Expoingá) receber o Legislativo

A Assembleia Legislativa do Paraná transfere sua sede para Maringá a partir desta quarta-feira (10). O projeto Assembleia Itinerante, que vai rodar os principais municípios do interior do Estado levando o trabalho do Legislativo aos grandes eventos populares do Paraná, tem o objetivo de aproximar a população das ações parlamentares. Entre os dias os dias 10 e 13 de maio, é a vez da Exposição Feira Agropecuária, Industrial e Comercial de Maringá (Expoingá) receber o Legislativo. A edição 2023 da Feira ocorre entre os dias 4 a 14 de maio.

Na quinta-feira (11), a Assembleia promove um grande evento aberto ao público para receber as reivindicações da população e homenagear personalidades de Maringá e região. A solenidade, que ocorre durante a Expoingá, deve receber cerca de 450 pessoas a partir das 19h no Centro de Eventos II – Área Central do Parque Internacional de Exposições Francisco Feio Ribeiro.

Durante o encontro, o presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSD), o primeiro-secretário, deputado Alexandre Curi (PSD), a segunda-secretária, deputada Maria Victoria (PP) e deputados estaduais da região recebem entidades do agronegócio e da sociedade civil organizada para ouvir demandas e sugestões. De acordo com a programação, cerca de 30 pessoas de destaque na sociedade de Maringá e da região receberão diplomas de menção honrosa confeccionados pela Assembleia Legislativa.

Em cada mês do ano, a sede da Assembleia estará nas principais feiras e festas dos grandes municípios do Estado, criando um canal direito entre a sociedade e o Legislativo. Com um espaço especial voltado para o trabalho do Parlamento, os deputados receberão prefeitos, vereadores, lideranças, empresários, representantes do setor produtivo e a população.

Expectativa

Para o presidente do Legislativo, deputado Ademar Traiano (PSD), a interiorização é uma forma de democratizar ainda mais os trabalhos da Casa. “Estaremos em Maringá a partir do dia 10 até o dia 13 ouvindo as entidades e a população da cidade. Além disso, os parlamentares estão promovendo audiências públicas. Também teremos uma sessão no dia 11, a partir das 19h. A interiorização da Assembleia tem dado resultados altamente satisfatórios. É uma forma de democratizar o Poder Legislativo. Podemos sentir a satisfação da população”, disse.

Já o primeiro-secretário da Assembleia, deputado Alexandre Curi (PSD), explicou que a experiência de Londrina deve se repetir em Maringá. “Saímos de Londrina com documentos robustos, com diversas sugestões de proposições que serão analisadas por nossas equipes técnicas e passarão a tramitar na Assembleia”, comentou Curi.

A segunda-secretária da Assembleia, deputada Maria Victoria (PP), afirmou que as ações na ExpoLondrina foram um sucesso e que em maio as lideranças e moradores de Maringá e região terão a mesma oportunidade na Expoingá. “A Assembleia Itinerante é uma medida estratégica para aproximar o Poder Legislativo da população paranaense. A estrutura estará pronta na Expoingá para receber sugestões e demandas da região”, destacou.

Informação

Durante o período, quem estiver na exposição poderá visitar os parlamentares em um estande da Assembleia, onde estarão disponíveis informações sobre todas as ações desenvolvidas pelo Poder Legislativo. Também será possível fazer propostas e sugerir iniciativas para os parlamentares. Por meio de um totem com QRcode, o cidadão será direcionado para um formulário online com campos para deixar os contatos e sugestões.

Ao longo da agenda de trabalho, serão distribuídos ainda informativos sobre as atividades legislativas. Um dos materiais permite que a população conheça seus representantes. O folheto traz dados sobre os principais programas e ações da Assembleia Legislativa, como o Parlamento Universitário, a Escola do Legislativo, a Defensoria Pública, a Procuradoria da Mulher e o aplicativo Agora é Lei no Paraná.

Também lembra os recursos economizados pelos deputados e que serão destinados para programas governamentais. Serão R$ 200 milhões para pavimentação de ruas em mais de 150 municípios de até sete mil habitantes. Mais R$ 2 milhões serão destinados para o Fundo Estadual dos Direitos da Mulher com o objetivo de promover políticas de proteção às mulheres. Outro material distribuído na feira é destinado a jovens e crianças. No formato de revista inspirado na clássica Coquetel, as ações do Legislativo são explicadas de forma leve e descontraída, por meio de passatempos e charadas.

da Alep