Sábado, 13 de Julho de 2024

Governo do Estado destina R$ 7 milhões para construção da maternidade de Reserva

2024-03-27 às 16:23
Foto: SESA-PR

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Saúde (Sesa), autorizou nesta quarta-feira (27) um repasse de R$ 7 milhões para a construção da maternidade do município de Reserva, nos Campos Gerais. O objetivo da unidade é fortalecer e ampliar o cuidado à mulher na região, ofertando um serviço humanizado durante o processo de gestação e parto.

O encontro em que foi confirmada destinação do recurso, realizado no Palácio Iguaçu, em Curitiba, teve a participação do vice-governador Darci Piana e do secretário estadual da Saúde, Beto Preto.

“O Paraná dá um grande salto em relação à descentralização da saúde, que nada mais é do que aproximar estes serviços do cidadão, evitando que ele tenha que se deslocar grandes distâncias para receber atendimento. Essa obra é mais um exemplo desse grande projeto”, afirmou Piana.

Com uma área de aproximadamente 900 metros quadrados, a maternidade será construída anexa ao Pronto Atendimento de Reserva e beneficiará não só mulheres residentes no município, mas também de localidades vizinhas. Elas terão acesso a um atendimento especializado e próximo de suas comunidades. A unidade terá capacidade para até 20 partos por mês e contará com Centro Cirúrgico Obstétrico, banco de leite, posto de enfermagem e sete leitos.

“São mais de 1,2 mil obras apenas na saúde e hoje passamos a incluir, também, a maternidade de Reserva. Um grande presente ao município, que completou 103 anos nessa semana”, destacou Beto Preto.

O prefeito Lucas Machado enfatizou o benefício da nova maternidade para as famílias da cidade. “Essa obra fará a diferença na vida de muitas pessoas e dará uma nova perspectiva no cuidado materno-infantil em Reserva”, afirmou.

PRESENÇAS – Os deputados estaduais Márcia Huçulak e Evandro Araújo acompanharam a liberação de recursos.

da AEN