Terça-feira, 23 de Julho de 2024

Homem que matou companheira a tiros em PG é preso em Santa Catarina

2023-05-15 às 08:18

A Polícia Civil prendeu, na tarde de sexta-feira (12), um homem que é acusado de matar a própria companheira a tiros, em via pública, na região da Colôia Dona Luíza, em Ponta Grossa. Ele estava foragido desde a data do crime, que ocorreu em 18 de fevereiro deste ano, e foi encontrado em Blumenau (SC).

Segundo a Polícia Civil, as investigações de cerca de três meses apontaram que o autor do crime teria se escondido em Santa Catarina onde, para tentar permanecer impune, ele contaria com uma forma de rede de apoio de amigos e familiares. Diante dessa informação, novas estratégias foram estabelecidas.

Em colaboração com o serviço reservado do 1° BPM e do Setor Especializado da Polícia Civil catarinense, a DIC, da cidade de Blumenau, a prisão foi efetuada no final da tarde de sexta feira (12). O homem permanece preso em Santa Catarina mas, após procedimentos administrativos de praxe, será devidamente transferido para o sistema prisional do Paraná, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Relembre

O crime ocorreu em 18 de fevereiro, sábado de Carnaval, no bairro Colônia Dona Luíza. A vítima, Kelly Cristina Alves dos Santos, de 27 anos, foi baleada pelo companheiro em via pública, após sofrer agressões físicas. O autor se evadiu do local em seguida, deixando a vítima caída na rua, conforme comprovaram as imagens captadas por câmeras de segurança.

Kelly chegou a ser hospitalizada e assim foi ouvida pela equipe policial, fornecendo detalhes sobre a dinâmica do crime. De imediato foi representado pela prisão preventiva do acusado, que ainda não havia sido localizado. Após alguns dias, a vítima Kelly não resistiu e morreu.

Desde então, a equipe policial da Delegacia da Mulher permaneceu no encalço do foragido, trabalhando continuamente no intuito de localizá-lo e cumprir a ordem prisional.

Com informações da PCPR/13ª SDP