Segunda-feira, 22 de Abril de 2024

Polícia Civil de Castro prende padrasto condenado a mais de 15 anos de prisão por estupro de vulnerável contra enteadas

2024-03-01 às 11:42

 

A Polícia Civil do Paraná (PCPR), por meio da 43º DRP – Castro, prendeu, nas primeiras horas desta quinta-feira (29), na cidade de Campo Largo, um homem de 33 anos por estupro de vulnerável, praticado contra suas duas enteadas, de idades entre 12 e 13 anos.

Os crimes ocorreram em outubro de 2015, ocasião em que, consciente da ilicitude e reprovabilidade de sua conduta, praticou ato libidinoso diverso da conjunção carnal, contra as adolescentes, suas enteadas, forçando-as a assistirem filmes pornográficos durante o ato, valendo-se da relação de confiança que nutria na condição de padrasto das vítimas. O homem foi condenado a uma pena de 15 anos e 6 meses.

Após diligências, o indivíduo foi preso e encaminhado até a cadeia pública de Castro, onde segue à disposição da Justiça.

DENÚNCIAS – A PCPR solicita a colaboração da população com informações que auxiliem no andamento das investigações. As denúncias podem ser feitas de forma anônima, pelos números 197 da PCPR ou 181 do Disque-Denúncia.

da PCPR