Sábado, 20 de Julho de 2024

Polícia Civil de PG prende em flagrante homem que atropelou cão e não prestou socorro

2023-04-18 às 11:39

A PCPR, logo que tomou conhecimento de uma ocorrência de atropelamento de um cão na região da Palmeirinha, cujo condutor teria se evadido do local sem prestar atendimento, causando revolta nos moradores, passou a realizar diligências no sentido de identificar o autor.

Imagens de câmeras de segurança captaram a ocorrência e mostram, claramente, toda a ação. Uma veterinária do CRAR (Centro de Referência para Animais em Risco), da Prefeitura Municipal, chegou a ir até o local, mas o cão não resistiu aos ferimentos.

A partir de informações coletadas na região, confrontadas com sistemas de pesquisa, a polícia chegou ao endereço do condutor, localizando o veículo envolvido no crime. Um homem, de 59 anos, foi conduzido para a 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa, sendo autuado em flagrante pela prática do crime de maus-tratos a animais. Em interrogatório ele confessou ter visualizado o animal se debatendo, mas disse não ter achado um local para parar o veículo. A pena prevista para o crime é de 2 a 5 anos de reclusão, com aumento de um sexto a um terço em razão da morte do animal.

O caso serve de alerta para os motoristas. Tendo o condutor atropelado o animal, surge para ele a obrigação de prestar socorro, sob pena de responder pelo resultado, qual seja, os maus-tratos.

A PCPR está atenta para as denúncias de maus-tratos a animais, as quais pode ser feitas, de maneira anônima, para o canal 181, ou através do WhatsApp Denúncia 3219-2780.

da PCPR