Sexta-feira, 14 de Junho de 2024

Ponta Grossa segue avançando na recuperação de estradas rurais

2023-05-23 às 16:58
Foto: Divulgação

O Programa ‘Caminhos do Agro’, desenvolvido pela prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, está atualizando periodicamente por meio das redes sociais da prefeitura, a evolução do trabalho de recuperação e readequação das estradas rurais do município. Através de mapas, é possível conferir o trabalho já executado pelas equipes, bem como o cronograma do que está sendo realizado e o que será feito na sequência. Por meio de cores e legendas, os mapas mostram com clareza as localidades e estradas onde as equipes trabalham.

“Nosso objetivo com a divulgação dos mapas é manter o munícipe informado sobre os trechos já finalizados, como está o andamento do trabalho, e também as estradas que serão atendidas na sequência”, explica o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Bruno Costa. Segundo o secretário, são quatro equipes do programa ‘Caminhos do Agro’ atuando em diferentes regiões da área rural do município. As obras ocorrem ao mesmo tempo nas localidades de Guaragi, Itaiacoca, Alagados, e Taquari dos Polacos.

O secretário ressalta que, ao contrário do que aconteceu nos primeiros meses do ano, o clima nas últimas semanas tem contribuindo para o andamento das obras. “Com o tempo estável registrado durante o mês de maio, pudemos acelerar o trabalho e avançar consideravelmente. No entanto, é preciso seguir rigorosamente o cronograma dos trabalhos, que determina a ordem de execução das obras”, afirmou Bruno.

Recuperação e readequação

As obras executadas pelo programa ‘Caminhos do Agro’ consistem no patrolamento, escarificação, cascalhamento e compactação do leito. As ações também contemplam a execução e manutenção dos dispositivos de drenagem, como as caixas de contenção, saídas laterais, bueiros e caixas de dissipação, além da manutenção de pontes de madeira. Com quatro equipes em operação, o trabalho segue cada vez mais em direção às vilas do interior, atendendo demandas de escoamento de produção, transporte escolar e circulação de pessoas nessas regiões.

da assessoria