Colégio Sepam tem crescimento de alunos voluntários em projetos sociais da instituição | D'Ponta News - Notícias do Paraná - Jornalismo sério para leitores exigentes!
Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2024

Colégio Sepam tem crescimento de alunos voluntários em projetos sociais da instituição

2023-04-28 às 15:27

O número de brasileiros que fazem ou já fizeram alguma atividade voluntária vem crescendo no Brasil. De acordo com o relatório mais recente da Pesquisa Voluntariado no Brasil, divulgado em 2022, este número representava 25% da população em 2011. Já em 2021 a estimativa subiu para 56% de participação da população brasileira em alguma ação voluntária. Desse total, 57 milhões estão ativos atualmente.

Com o objetivo de incentivar ainda mais as pessoas a praticar o voluntariado, as instituições trabalham para fortalecer as ações promovidas com essa finalidade. Este é o caso do Colégio Pontagrossense Sepam, que, neste ano, conta com 120 alunos voluntários participando dos projetos sociais desenvolvidos pela instituição.

As ações no Sepam contam com mais inscritos do que no período pré-pandemia. Ao todo, são quatro propostas: o Menarca, o Cidadania, o Ecopam e o Step by Step, que visam à promoção da saúde feminina, atuações em entidades filantrópicas, conscientização sobre sustentabilidade e o ensino do inglês em escolas públicas municipais, respectivamente.

Os projetos acontecem semanalmente, com a orientação de um professor do Sepam. Nas segundas-feiras são realizadas as ações do Menarca, nas terças a do Cidadania, nas quartas a do Ecopam e nas quintas a do Step by Step. De acordo com o coordenador dos projetos, Jacob Cavagnari, cada projeto é desenvolvido de forma diferente, mas o objetivo é o mesmo: fomentar o protagonismo estudantil e despertar nas crianças e adolescentes o desejo do voluntariado.

“Quem participa dos projetos desenvolvidos pelo Sepam tem uma visão de mundo diferente. O aluno sai da sua comodidade e passa a enxergar outras realidades de comunidades diversas. Então o nosso intuito é fazer com que os estudantes tenham a vontade de fazer a diferença na sociedade e possam contribuir com a carência de afeto e de informações que o público dos projetos muitas vezes enfrenta. Ao mesmo tempo em que auxiliam esses grupos, eles também aprendem a ser mais humanos”, destaca Cavagnari.

Os projetos

O Menarca existe desde 2002 e visa conscientizar e orientar meninas na fase das primeiras menstruações sobre infecções sexualmente transmissíveis e gravidez na adolescência. O projeto é realizado com alunas entre 14 e 16 anos e é direcionado a estudantes de escolas públicas. Nesse caso, as alunas voluntárias do Sepam recebem um preparo e posteriormente vão às instituições de ensino para falar com as adolescentes a respeito da saúde feminina. A primeira visita do ano ocorreu no dia 17 de abril, no Colégio Estadual José Dias da Rocha.

O Grupo da Cidadania é o projeto mais antigo do Sepam e completa 25 anos em 2023. Nele, os adolescentes atuam nas comunidades promovendo ações de mudança, visando beneficiar entidades assistenciais de Ponta Grossa, por meio de assistência material e humana. Os voluntários são responsáveis por arrecadações a essas instituições, além de visitas interativas com momentos de recreação e gincanas. Segundo Cavagnari, as entidades que atendem idosos são as mais visitadas geralmente. “Os alunos promovem atividades, conversam com eles, distribuem e ganham afeto”, ressalta o coordenador dos projetos do Sepam. Neste ano, uma das visitas realizadas foi na Colmeia Espírita Cristã Abegail.

O Ecopam é outra iniciativa desenvolvida pelo Sepam. O intuito é promover a conscientização e fomentar ações de sustentabilidade em alunos da rede pública municipal. O projeto é desenvolvido em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Ponta Grossa. Nesse caso, os alunos e o professor orientador conversam com os estudantes das escolas participantes sobre reciclagem, formas de separação do lixo, importância de não jogar lixo em terrenos e de não acumular água. “Além de focar no meio ambiente, também frisamos a importância de melhores condições de vida promovidas por ações sustentáveis”, cita Cavagnari. Atualmente, quatro instituições escolares fazem parte do projeto: Osni Mongruel, Professor Nelson Pereira Jorge, Braulina Carneiro Quadros e Paulo Grott.

E por último há o Step by Step, projeto em que os adolescentes ministram aulas de inglês para crianças de escolas municipais do 3º ao 5º ano do ensino fundamental. Para isso, o grupo recebe vídeos da Secretaria Municipal de Educação sobre determinadas temáticas. A partir daí, elaboram um planejamento sobre como trabalharão os assuntos de acordo com os níveis de aprendizagem dos alunos. Posteriormente, aplicam os ensinamentos aos estudantes e propõem atividades para fixação dos conteúdos.

Além desses projetos, o Sepam desenvolve outras ações que visam ao protagonismo estudantil dos alunos, como o Líder em Mim, programa de educação focado em promover a mudança comportamental em educadores, crianças e adolescentes.
Os interessados em conhecer mais a instituição e os projetos desenvolvidos podem visitar o Colégio, localizado na Rua General Carneiro, 1.171. Para mais informações sobre as matrículas, contate o (42) 3225-2677 ou acesse o site.

Sobre o Colégio Sepam

Fundado em 1939, na cidade de Ponta Grossa (PR), pelos professores Roberto Emílio Mongruel e Altair de Oliveira Mongruel, o Sepam é uma instituição de ensino particular de nível infantil, fundamental, médio e pré-vestibular. Possui duas unidades em operação, sendo a segunda na cidade de Castro (PR), inaugurada em 1993. Com perfil arrojado e inovador, o Colégio Sepam implantou, em 2015, o programa de ensino médio internacional – o High School -, por meio de um convênio com a Universidade de Missouri (Estados Unidos). Na unidade Sepam Vestibulares, a Instituição conta com mais de 40 anos de atuação no segmento de pré-vestibular, consolidado como um dos líderes do Paraná, com mais de 10 mil aprovações em destacadas universidades brasileiras. O Colégio Sepam tem como linha filosófica a formação humanista de seus alunos e possui professores bilíngues com formação em diferentes áreas da licenciatura. Mais informações: sepam.com.br, facebook.com/sepamcolegio e @sepamcolegio (Instagram).

da assessoria